PUBLICIDADE
Topo

Macramê traz graça e texturas variadas a diferentes ambientes e estilos

Versátil, macramê faz parte de acessórios, colchas e almofadas e de uma decoração ao estilo boho - Getty Images/iStockphoto
Versátil, macramê faz parte de acessórios, colchas e almofadas e de uma decoração ao estilo boho
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Claudia Dias

Colaboração para Nossa

22/01/2022 04h00

Não são só as plantas que estão se apoderando dos espaços em casas e apartamentos. Ao lado delas (ou até por causa delas), o macramê tem ganhado cada vez mais destaque como item decorativo.

Os hangers, nome de batismo dos suportes para plantas suspensas, costumam ser a porta de entrada para o universo da tecelagem manual, mas a verdade é que o macramê é superversátil e se encaixa perfeitamente em diferentes cômodos, independente do estilo da decoração.

É uma técnica artesanal 100% manual que, através de diferentes tipos de nós, permite criar os mais diversos itens", resume Sheena Santos, artesã da Nós em Nós (@nos.emnos).

O macramê é um tipo de artesanato que casa perfeitamente com plantas, graças aos fios naturais - Reprodução/Instagram@nos.emnos - Reprodução/Instagram@nos.emnos
O macramê é um tipo de artesanato que casa perfeitamente com plantas, graças aos fios naturais
Imagem: Reprodução/Instagram@nos.emnos
Pedras, cristais, búzios, conchas? Diferentes elementos da natureza combinam com o macramê - Reprodução/Instagram@natureza.atelie - Reprodução/Instagram@natureza.atelie
Pedras, cristais, búzios, conchas? Diferentes elementos da natureza combinam com o macramê
Imagem: Reprodução/Instagram@natureza.atelie

Criatividade, aliás, não falta para a turma que desenvolve as peças, já que não existem moldes prontos mas, sim, nós básicos. "A partir deles é que as peças são criadas. Um mesmo nó pode gerar desenhos bem diferentes", afirma a artesã. O mesmo vale para os itens extras adotados na produção: de galhos a pedras, cristais, vasos, entre outros, não há limites para as criações

Os primeiros registros de desenhos e macramê vêm do século 18. "Mas foi durante os anos 60 e 70 que ele reapareceu na moda e decoração. Nos últimos anos, com a valorização do trabalho artesanal, ele voltou com ainda mais evidência", comenta Sheena.

Artesanato faz sucesso em diversas casas pelo mundo - Unsplash/Cole Keister - Unsplash/Cole Keister
Artesanato faz sucesso em diversas casas pelo mundo
Imagem: Unsplash/Cole Keister

Assim como em outros tipos de arte manual, não existe um único material para a confecção das peças de macramê. Pode ir dos mais naturais, como algodão, passando pelo sisal, fios encerados, chegando até aos sintéticos — polipropileno, por exemplo.

Cada tipo de peça pode utilizar um fio diferente. Mas, atualmente, os materiais mais utilizados são os fios de algodão, barbantes e malhas com diversas cores e espessuras", conta Sheena.

Textura em evidência

Se os hangers costumam ser as peças mais procuradas, quando o macramê invade a decoração, pode ser inserido em diferentes itens: cortinas, almofadas, tapetes, puffs, centros de mesa, porta-copos e jogos americanos, luminárias e por aí vai.

"O macramê traz textura aos ambientes, tornando-os ainda mais acolhedores, principalmente quando feito em fibras mais naturais", opina a artesã do Nós em Nós. Os chamados flags (ou, ainda, bandeiras, flâmulas ou painéis), que enfeitam paredes em versões bem variadas, também são destaques, pois podem conversar com diferentes estilos.

Flag em macramê com fios amarelos - Unsplash/Elena Putina - Unsplash/Elena Putina
Flag em macramê com fios amarelos
Imagem: Unsplash/Elena Putina

É justamente nesse tipo de peça que as cores desbancam os tons naturais, que costumam ser os preferidos na tecelagem por combinar com qualquer ambiente.

O colorido ganha mais espaço, indo dos tons mais neutros como cinza e cru, até os mais vivos, como turquesa e mostarda", cita Sheena.

Nathalie Serafin, estilista e CEO do Thirty Seven Trend (@37.trend), marketplace de marcas artesanais brasileiras, acrescenta que também tem aumentado a procura do macramê para decoração infantil. Nesse caso, os tons pendem para os mais claros, como azul, rosa, verde e mesmo o mostarda.

De fácil manutenção, macramê decora com leveza - Unsplash/Alyssa Strohmann - Unsplash/Alyssa Strohmann
De fácil manutenção, macramê decora com leveza
Imagem: Unsplash/Alyssa Strohmann

Bom lembrar: é importante se atentar ao local onde o macramê irá ficar — sol ou chuva direta podem desbotar uma peça. Para ambientes externos, as fibras mais sintéticas têm uma durabilidade maior e facilitam a limpeza.

A manutenção, aliás, costuma ser prática. Segundo Sheena, na maioria dos casos, tirar o pó com um espanador ou só dar aquela sacudida básica na peça já resolve. Agora, se houver tiver alguma mancha, um sabão neutro ajuda.

Artesanato em alta

Para Nathalie, o consumo desse tipo de peça artesanal tem aumentado bastante, conquistando fãs do estilo boho chic e, principalmente, pessoas que valorizam trabalhos exclusivos.

"A padronização de produtos, consequência da globalização, diminuiu o espaço para produtos autorais que trazem personalidade para a decoração.

Mas voltamos a olhar e valorizar o que é diferente, buscando por personalidade e peças únicas — algo que tem dado mais espaço para o artesanato contemporâneo", opina.

Outro motivo por trás dessa procura crescente é a necessidade de as pessoas terem maior contato com a natureza, mesmo dentro de casa ou do apartamento. "Isso fez aumentar a procura por itens que possam dar destaque e também cuidar das plantas", avalia Nathalie.