Preço da passagem do metrô de Paris dobrará durante Olimpíadas de 2024

PARIS (Reuters) - Os preços das passagens do metrô de Paris quase dobrarão durante os Jogos Olímpicos de 2024, disse a presidente da região da capital francesa nesta terça-feira, acrescentando que os moradores com passes estariam protegidos do aumento temporário e que os visitantes receberiam "um preço justo".

A prefeita de Paris alertou na semana passada que os serviços de transporte público, que são fornecidos pela autoridade regional, seriam insuficientes durante os eventos. As Olimpíadas serão realizadas de 26 de julho a 11 de agosto e as Paralimpíadas de 28 de agosto a 8 de setembro.

"Durante as Olimpíadas e as Paralimpíadas, a região da Ile de France aumentará drasticamente sua oferta de transporte. Está fora de questão que os moradores sustentem esse custo", disse a presidente da região, Valérie Pécresse, nas mídias sociais.

"Vamos criar um novo passe, o passe Paris 2024, que permitirá que os visitantes viajem por toda a região da Ile de France. Ele custará 16 euros por dia e até 70 euros por semana. É um preço justo", afirmou Pécresse em um vídeo.

Ela disse que uma passagem de metrô para uma única viagem custará 4 euros no período de 20 de julho a 8 de setembro, acrescentando que os moradores da região com um passe mensal ou anual normal não serão afetados.

Um passe mensal normalmente custa 84,10 euros, enquanto uma única viagem custa atualmente 2,10 euros.

Na semana passada, a prefeita de Paris atacou Pécresse, dizendo que a capital francesa não estaria pronta em termos de transporte.

O ministro dos Transportes, Clément Beaune, apoiou Pécresse na terça-feira, dizendo que Paris estará "pronta", acrescentando que "é importante que não haja mudanças para os parisienses durante os Jogos".

(Reportagem de Julien Pretot e Lucien Libert)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes