PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Envolvimento da NBA na China é positivo para os EUA, diz comissário

23/09/2020 10h58

(Reuters) - O envolvimento de longa data da NBA na China continua tendo um impacto "positivo" no entendimento mútuo entre os Estados Unidos e a nação comunista, disse o comissário Adam Silver à CNN na terça-feira.

A NBA construiu uma reputação de ser a mais socialmente progressista entre as principais ligas esportivas profissionais dos Estados Unidos e, no ano passado, foi pressionada a cortar seus laços com a China por causa de supostos abusos de direitos humanos.

"Alguém poderia dizer que, dado o sistema de governo na China, você, a NBA, deveria tomar a decisão de não operar lá", afirmou Silver na entrevista.

“Eu diria apenas que, no final das contas, acredito que essas são decisões para nosso governo em termos de onde as empresas americanas devem operar.”

"Continuo acreditando que as trocas interpessoais que vemos jogando na China são positivas e estão ajudando. Ajuda as culturas a se conhecerem. Isso nos permite exportar alguns valores americanos para a China", completou.

O relacionamento antes harmonioso da NBA com o governo chinês sofreu um grande revés em outubro passado, quando o executivo do Houston Rockets Daryl Morey tuitou seu apoio aos manifestantes de Hong Kong.

A liga perdeu milhões de dólares em patrocínios por causa da polêmica e seus jogos foram retirados da emissora estatal CCTV, que domina a cobertura esportiva da televisão na China.

(Reportagem de Nick Mulvenney)

Esporte