PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Atletico de Madrid vence Juventus com gols no 2º tempo; City vira sobre Schalke

20/02/2019 20h01

MADRI (Reuters) - O Atletico de Madrid conquistou grande vantagem em seu complicado confronto de oitavas de final na Liga dos Campeões da Europa contra a Juventus, vencendo partida em casa por 2 x 0 graças a gols já no fim da partida dos defensores uruguaios Jose Gimenez e Diego Godín em jogo tenso, com incidentes, nesta quarta-feira.

Gimenez deslizou no gramado já na pequena área para colocar a bola na rede aos 33 minutos do segundo tempo, após Alvaro Morata, ex-atacante da Juve, ter um gol anulado após checagem do árbitro de vídeo (VAR, na sigla em inglês).

Mais cedo, o Atletico ainda teve um pênalti anulado pela tecnologia após a marcação, mas só cresceu em determinação e o capitão Godín anotou um vital segundo gol aos 38 minutos da etapa final, ampliando a vantagem para o jogo de volta em Turim.

O veterano zagueiro apareceu próximo à trave para empurrar uma bola perdida para a rede, após o Atletico pegar a sobra de bola parada, com o chute desviando em Cristiano Ronaldo.

Para a partida de volta, que ocorre em 12 de março na Itália, o Atletico, com vantagem, terá as baixas de Diego Costa e Thomas Partey, suspensos após receberem cartões amarelos, enquanto a Juve não contará com Alex Sandro.

VIRADA INCRÍVEL:

Com gols no final do jogo de Leroy Sané e Raheem Sterling, o Manchester City venceu o Schalke 04 por 3 x 2 no primeiro confronto pelas oitavas de final da Liga dos Campeões, em Gelsenkirchen, na Alemanha.

Sergio Aguero havia dado a vantagem ao City aos 18 minutos do primeiro tempo, mas Nabil Bentaleb converteu dois pênaltis, aos 38 e 45, para colocar o Schalke à frente.

Aos 23 do segundo tempo, o City ficou com dez jogadores em campo, após a expulsão de Nicolas Otamendi por dois cartões amarelos, mas conseguiu a virada com uma sensacional cobrança de falta de Sané aos 41 e gol de Sterling aos 45.

Para a volta em Manchester, no dia 12 de março, o City também não contará com Fernandinho, suspenso após cartão amarelo.

(Por Richard Martin em Madri e Karolos Grohmann em Gelsenkirchen)

Esporte