PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Hamilton dita ritmo de treino e Vettel sofre penalidade nos EUA

19/10/2018 16h34

Por Alan Baldwin

AUSTIN, Estados Unidos (Reuters) - Lewis Hamilton ditou o ritmo mesmo debaixo de chuva no Circuito das Américas nesta sexta-feira, quando a Mercedes dominou a sessão de treinos para o Grande Prêmio dos Estados Unidos, que pode torná-lo pentacampeão mundial de Fórmula 1.

O britânico precisa conseguir oito pontos a mais do que seu rival da Ferrari e também tetracampeão Sebastian Vettel no domingo, e uma terceira dobradinha sucessiva da Mercedes nos primeiros lugares do pódio lhe garantiria justamente isso.

    Hamilton, que venceu seis das últimas sete corridas e busca uma quinta vitória seguida, mostrou logo a que veio com uma volta mais rápida de 1min47seg502, um respeitável 1seg304 mais veloz do que seu colega de equipe Valtteri Bottas.

    Vettel foi o quinto mais rápido ao marcar 1min49seg489, quase dois segundos mais lento do que a média e atrás das Red Bulls de Max Verstappen e Daniel Ricciardo.

    Mais tarde o alemão foi repreendido pelos fiscais por supostamente não desacelerar o suficiente quando as bandeiras vermelhas foram acionadas, uma violação que lhe rendeu uma penalidade no grid de largada --ele perderá três posições.

    Kimi Raikkonen, seu colega de Ferrari, fez o sexto melhor tempo.

    Hamilton conquistou seu terceiro campeonato na pista texana em 2015 e tem se mostrado quase imbatível em Austin, onde venceu cinco de seis provas desde que o Texas estreou no calendário em 2012.

Esporte