PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Pintado declara enorme admiração e respeito a Chapecoense em sua despedida: 'Tenho certeza que isso é um até logo'

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

26/10/2021 15h48

Em coletiva nesta terça-feira (26), com a presença do presidente Gilson Sbeghen, do V.P. João Stakonski e do superintendente Neto, a Chapecoense anunciou oficialmente o desligamento do treinador Pintado e do executivo de futebol Carlos Kila do clube, ambas em comum acordo.

? Só tenho que agradecer. A Chapecoense pra mim é uma etapa muito importante da minha vida profissional, tenho certeza que termino essa primeira etapa e saio da Chapecoense como um melhor profissional, um melhor homem. Aprendi a conhecer um clube que eu tanto admiro, que eu tanto respeito. A partir desse momento a Chapecoense tem mais um torcedor. - disse Pintado.

O agora ex-treinador do Verdão do Oeste, destacou o trabalho da atual diretoria, segundo ele ‘é importante que o torcedor saiba que a Chapecoense não está de braços cruzados.’ Pintado pede compreensão do torcedor para entender que os bons tempos passaram, e os maus também passarão, e tem certeza pelas pessoas que estão trabalhando no clube que a Chapecoense será um clube muito mais forte no próximo ano.

Para saber tudo da Chapecoense, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook. E se inscreva no nosso YouTube.

Perguntado sobre a declaração que revelou o seu desejo de permanecer no clube para o ano de 2022, Pintado respondeu que falas após a derrota da Chapecoense por 3 a 0 contra o Bahia pelo Campeonato Brasileiro, foram determinantes.

? Eu vou continuar, eu quero se possível continuar contribuindo. Só acho que como treinador o futebol precisa de algo diferente. Ouvi algumas coisas depois do jogo do Bahia que me incomodaram muito, e isso me fez repensar, acho que isso faz parte, sempre respeitando o clube, mas acho que eu precisava dar um passo para trás para a Chapecoense continue caminhando para frente. O que eu ouvi é muito longe do que a gente têm feito, e quando esse sinal ascende, é um sinal de que eu em algum momento estou atrapalhando, isso que eu percebi, por isso eu mudei minha perspectiva das coisas, eu jamais vim para a Chapecoense para atrapalhar. Eu respeito sempre as opiniões, acho isso saudável, quero agradecer vocês da imprensa pelas críticas construtivas e pelas palavras de apoio, e hoje a Chapecoense precisa muito mais de palavras de apoio do que de críticas, sem deixar de pontuar as coisas, é claro.- justificou.

A coletiva deixou claro o bom relacionamento entre a diretoria da Chape e o treinador, o próprio Pintado diz que ‘muitas coisas boas estão sendo feitas aqui’, e que agora é um momento de reação, não de apontar culpados pela situação do clube. O V.P. João Stakonski elogiou muito o treinador, segundo ele Pintado contribuiu além do exigido e esperado com a Chapecoense, com sugestões para o planejamento do futebol para a próxima temporada.

Não foram citados pela diretoria quaisquer nomes para assumir o cargo de treinador da Chapecoense para a reta final do Campeonato Brasileiro. A Chape encara, na segunda-feira (1), o Corinthians na Neo Química Arena pela 29ºrodada do Brasileirão.

Futebol