PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Arthur diz ter se arrependido de estar em festa de Neymar antes de clássico

12/03/2019 14h21

Barcelona (Espanha), 12 mar (EFE).- O volante Arthur, do Barcelona, admitiu nesta terça-feira que não deveria ter ido à festa de aniversário do atacante Neymar, do Paris Saint-Germain, no dia 4 de fevereiro, dois dias antes do clássico com o Real Madrid, pela ida das semifinais da Copa do Rei da Espanha, em que se machucou.

"Errei ao ir à festa e assumo minha responsabilidade. Foi um momento duro para mim. Me chateei com a lesão e pelos meus companheiros. Tanto eles, como meus companheiros, contudo, me ajudaram. Peço desculpas se aborreci alguém", disse o ex-Grêmio, em entrevista coletiva.

No jogo disputado no estádio Camp Nou, Arthur sofreu uma lesão muscular na perna esquerda, que o tirou das partidas contra Athletic Bilbao, Valladolid e Sevilla, todas pelo Campeonato Espanhol. Nesta quarta-feira, o brasileiro é peça quase certa, contudo, no duelo com o Lyon, pela volta das oitavas de final da Liga dos Campeões.

"Você sonha com jogos assim, com esses momentos na maior competição de clubes do mundo. Sabemos da pressão que temos, que não será uma partida fácil. Com a ajuda da torcida, somos mais fortes e vamos fazer o impossível para avançar", garantiu o brasileiro.

O atacante Neymar voltou a ser assunto na coletiva de Arthur, quando o ex-Grêmio foi questionado sobre uma possível transferência do jogador do Paris Saint-Germain para o Real Madrid. Já que os dois são amigos pessoais, jornalistas quiseram saber se ele tinha alguma notícia sobre o caso.

"Não sei o que Ney fará. É ele quem deve dizer, com a família. O que mais os convier, tanto se fica no PSG, como o contrário. Eu, como amigo, só posso desejar o melhor a ele", afirmou. EFE

Esporte