PUBLICIDADE
Topo

Esporte

"Em nenhum momento a minha intenção foi desobedecer Sarri", explica Kepa

24/02/2019 21h25

Londres, 24 fev (EFE).- O goleiro Kepa, do Chelsea, explicou que "em nenhum momento" teve a intenção de desobedecer o técnico Maurizio Sarri, que pretendia substituir o jogador nos últimos minutos da prorrogação contra o Manchester City neste domingo, na final da Copa da Liga vencida pelos 'Citizens' por 4 a 3 nos pênaltis.

"Foi um mal-entendido. Em nenhum momento a minha intenção foi desobedecer o treinador. Fui atendido duas vezes pelos médicos e ele achou que eu não estava em condições de continuar. Foram dois ou três minutos de confusão até que foram ao banco e contaram a ele", disse o goleiro na zona mista do estádio de Wembley.

O impasse entre Kepa e Sarri ocorreu minutos antes da disputa de pênaltis, quando o italiano tentou substituir o goleiro por Willy Caballero, mas Kepa se recusou a sair de campo.

"Para quem vê de fora, pode não ter sido a melhor imagem. Falei com o treinador e acho que foi um mal-entendido. Entendo que na televisão e na imprensa se fale sobre isto, mas estou aqui para me explicar e dizer que não foi a minha intenção contrariar o técnico. Não foi insubordinação, só queria dizer que estava bem", argumentou. EFE

Esporte