PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Arsenal vence BATE e vai às oitavas da Liga Europa; Valencia e Napoli avançam

21/02/2019 17h37

Redação Central, 21 fev (EFE).- Após perder em Belarus, o Arsenal se impôs em casa e avançou às oitavas de final da Liga Europa ao vencer o BATE Borisov por 3 a 0 nesta quinta-feita, dia que também contou com as classificações de Valencia, Napoli e Zenit São Petersburgo, além das eliminações de Fenerbahçe, Shakhtar Donetsk e Sporting.

Os 'Gunners', que tinham sido derrotados por 1 a 0 na partida de ida da fase 16 avos de final, na qual o atacante Alexandre Lacazette foi expulso, apresentaram outra postura no Emirates Stadium, impulsionados pelo gol contra de Volkov, que abriu o placar logo aos quatro minutos ao tentar cortar um passe de Pierre-Emerick Aubameyang.

Com a precisão dos cruzamentos de Granit Xhaka, o Arsenal voltou a marcar duas vezes na bola aérea com Shkodran Mustafi, aos 39, e Sokratis Papastathopoulos, que fechou o placar aos 15 do segundo tempo para selar a vaga na próxima fase.

No estádio de Mestalla, o Valencia voltou a vencer o Celtic, que não foi capaz de marcar um gol sequer no confronto. Além da boa vantagem após a vitória por 2 a 0 fora de casa, o time espanhol viu a missão ficar ainda mais fácil após a expulsão do lateral-direito Jeremy Toljan no final do primeiro tempo.

Com total domínio da partida e a torcida a favor, a equipe espanhola chegou ao gol decisivo aos 25 minutos da segunda etapa, com Kevin Gameiro.

O Napoli também já tinha encaminhado a classificação com um ótimo resultado na ida, 3 a 1 sobre o Zurich na Suíça, mas a equipe treinada por Carlo Ancelotti fez o dever de casa e derrotou o time visitante por 2 a 0.

O vice-líder do Campeonato Italiano abriu o placar com Simone Verdi, aos 43 minutos, e aumentou com Adam Ounas aos 30 do segundo tempo, sem passar por dificuldades.

A situação do Zenit era diferente. Depois de perder por 1 a 0 para o Fenerbahçe em Istambul, a equipe russa mostrou determinação desde o início do jogo de volta e chegou à classificação com uma vitória por 3 a 1.

O nome do jogo foi o do atacante Sardar Azmoun, que serviu para Ozdoev abrir o placar aos quatro minutos do primeiro tempo e ainda ampliou aos 37.

O time turco teve um momento de brilho, um golaço de fora da área de Mehmet Topal ainda na primeira etapa que daria a vaga para os visitantes, mas Azmoun reapareceu para fazer o terceiro, garantir a classificação do Zenit e a eliminação do Fenerbahçe.

Um resultado que chamou a atenção foi a goleada de 4 a 1 do Eintracht Frankfurt sobre o Shakhtar Donetsk, da qual se esperava um jogo duro devido ao empate em 2 a 2 na Ucrânia.

Luka Jovic fez o primeiro aos 23 minutos e Sebatien Haller ampliou logo em seguida. O Shakhtar esboçou uma reação com o gol do brasileiro Júnior Moraes no início segundo tempo, mas Haller fez outro e Ante Rebic completou a goleada no final.

O Sporting, que havia perdido por 1 a 0 para o Villarreal em Lisboa, conseguiu balançar a rede fora de casa e quase levou a partida para a disputa de pênaltis, mas a expulsão do zagueiro brasileiro Jefferson pesou e o time espanhol encontrou o gol de empate para se classificar.

Bruno Fernandes colocou a equipe portuguesa na frente nos acréscimos da primeira etapa. Na volta do intervalo, Jefferson recebeu o segundo amarelo aos cinco minutos, e o Villarreal começou a pressionar. Após boa troca de passes na área, Pablo Fornals marcou o gol salvador aos 35 minutos.

Na Áustria, o Red Bull Salzburg deixou para trás a derrota por 2 a 1 para o Club Brugge na ida, na Bélgica, e goleou o adversário por 4 a 0 ao decidir o confronto em casa. Xaver Schlager, Patson Daka - duas vezes - e Munas Dabour, que ainda perdeu um pênalti, marcaram os gols da partida.

Outro que conseguiu se recuperar de um resultado negativo na ida foi o Dínamo de Zagreb, que também tinha perdido por 2 a 1, para o Viktoria Plzen. Em casa, o time croata venceu por 3 a 0, com gols de Mislav Orsic, Emir Dilaver e Bruno Petkovic. Nos momentos finais, o zagueiro David Limberský, do Viktoria Plzen, foi expulso. EFE

Esporte