PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Dybala destaca qualidade dos contra-ataques e da defesa do Atlético de Madrid

19/02/2019 16h34

Madri, 19 fev (EFE).- O atacante Paulo Dybala, da Juventus, destacou nesta terça-feira, antes do duelo contra o Atlético de Madrid pelas oitavas de final da Liga dos Campeões amanhã, que considera o adversário muito forte na defesa e nos contra-ataques.

"Já sabemos tudo sobre o estilo de jogo do Atlético de Madrid, como é a equipe de Diego Simeone e quão difícil será. Para chegar à final e vencer essa competição, devemos bater quem estiver na nossa frente. Nunca teremos partidas fáceis. O Atlético é muito forte defensivamente e muito bom nos contra-ataques", disse Dybala em entrevista concedida ao site da Uefa.

Para o atacante argentino, a Juventus também precisa estar atenta na defesa para sair do Wanda Metropolitano com o triunfo.

"Eles têm jogadores que podem nos causar sérios problemas. Mas o mesmo ocorre conosco, sabemos onde estão nossas forças e eles trabalharão duro para evitá-las", explicou o atacante.

Com a chegada de Cristiano Ronaldo a Turim, Dybala pode ser um dos poucos jogadores a se vangloriar do fato de atuar com os dois grandes astros do futebol mundial. Além da Juventus, o atacante compartilha vestiário com Lionel Messi na seleção da Argentina.

"Tive a oportunidade de jogar junto com Messi e agora estou jogando com Cristiano Ronaldo. Não são muitos os que tiveram essa oportunidade. É positivo porque sempre posso aprender com os melhores", afirmou Dybala sobre os dois craques.

"(Cristiano) é um cara relaxado e normal, como o resto de nós. Apesar de tudo que conquistou ao longo de sua carreira, sempre foi muito amável no vestiário. Essa ajuda faz com que a gente se sinta confortável quando está na presença de um jogador assim. O comparo com Messi porque todos fazem isso e acho que os dois são jogadores excepcionais, Como eu disse, você aprende muito com jogadores e pessoas como eles, tanto dentro como fora de campo", continuou.

Após a derrota para o Real Madrid na decisão da Liga dos Campeões em 2017, Dybala reconheceu na entrevista que o título do torneio é um "assunto pendente" no vestiário da Juventus.

"Quando você perde uma partida como aquela, você sempre quer outra oportunidade para corrigir aquilo. O futebol é um esporte que sempre te oferece a oportunidade de melhorar e acredito que teremos essa oportunidade", ressaltou o atacante argentino.

Sobre o técnico da Juventus, Massimiliano Allegri, Dybala afirmou que aprendeu muito com o comandante da 'Velha Senhora'.

"Particularmente sobre a forma como trabalhamos, como ser um profissional e estar totalmente concentrado durante os treinos para saber como enfrentar as partidas. O técnico me ajudou muito", disse.

"Desde o primeiro dia em que cheguei aqui, embora eu tenha jogado em várias posições, ele sempre me deu a liberdade de sair e desenvolver meu jogo onde quisesse. Acho que a confiança é muito importante e é um sentimento muito bom quando nos sentimos parte do que um clube tão grande está tentando conseguir", acrescentou. EFE

Esporte