PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Mbappé resolve de novo, PSG vence e aumenta distância na ponta do Francês

17/02/2019 20h27

Redação Central, 17 fev (EFE).- Ainda sem poder contar com Neymar nem Edinson Cavani, machucados, o Paris Saint-Germain teve o também atacante Kylian Mbappé como protagonista, venceu o Saint-Étienne por 1 a 0 no estádio Parc des Princes, e aumentou para 12 pontos a vantagem na liderança do Campeonato Francês.

Mbappé já vinha com moral alto depois de ter feito o primeiro dos dois gols do PSG na vitória sobre o Manchester United por 2 a 0 na Inglaterra na última terça, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões.

Hoje, o melhor jogador jovem da última Copa do Mundo evitou o tropeço da equipe dirigida por Thomas Tuchel ao balançar a rede aos 28 minutos do segundo tempo. Em bonita linha de passe no ataque dos donos da casa, Daniel Alves lançou o camisa 7, que dominou com estilo e chutou cruzado para fazer o único gol do duelo.

O PSG soma agora 62 pontos no Francês, contra 50 do segundo colocado, o Lille, e ainda tem dois jogos atrasados a disputar. O Saint-Étienne continua em quinto lugar, com 40.

O confronto em Paris teve quatro brasileiros em campo. Além de Daniel Alves, Tuchel escalou os zagueiros Thiago Silva e Marquinhos entre os titulares. Pelos visitantes, o volante Gabriel Silva, ex-Palmeiras, atuou durante os 90 minutos.

O Lille, com os brasileiros Gabriel, Thiago Maia, Thiago Mendes e Luiz Araújo, vinha de cinco vitórias seguidas, mas ficou mais distante do PSG ao empatar com o Montpellier em 0 a 0 em casa, no Stade Pierre-Mauroy. O jogo foi assistido 'in loco' pelo treinador português José Mourinho.

O empate também não foi bom para a equipe do zagueiro brasileiro Hilton, que vem na sexta posição, com 38 pontos, a oito do Olympique de Marselha, que fecha a zona de classificação para a próxima Liga dos Campeões.

Também com 38, em sétimo lugar, vem o Stade Reims, que recebeu o Rennes, 11º, e venceu por 2 a 0. Sem o zagueiro Pablo, mas com o volante Otávio, o Bordeaux bateu o Toulouse por 2 a 1 como mandante, enquanto Caen e Strasbourg ficaram no 0 a 0. EFE

Esporte