PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Últimos 2 corpos de vítimas do incêndio no CT do Flamengo são identificados

10/02/2019 18h56

Rio de Janeiro, 10 fev (EFE).- O Instituto Médico Legal do Rio de Janeiro conseguiu identificar neste domingo os dois últimos corpos das vítimas do incêndio registrado na última sexta-feira no centro de treinamento do Flamengo, tragédia que matou dez jovens atletas.

O clube informou que os corpos de Jorge Eduardo dos Santos Pereira Dias e Samuel Thomas de Souza Rosa só foram diferenciados pelos especialistas depois de uma série de exames feitos pelos legistas, que compararam o tamanho das estruturas ósseas dos dois.

A identificação dos corpos foi dificultada pelo alto grau de carbonização dos restos mortais das vítimas do incêndio. Todos tinham 14 e 16 anos e jogavam nas categorias de base do Flamengo.

A tragédia também deixou três feridos, que seguem hospitalizados. A pior situação é de Jhonatan Cruz Ventura, de 15 anos, que está em estado grave no Hospital Pedro II. Ele teve 30% do corpo queimado, sedado e respira com a ajuda de aparelhos.

Os outros dois estão internados no Hospital Vitória, na Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio de Janeiro. Cauan Emanuel deixou o centro de tratamento intensivo (CTI) hoje e está clinicamente bem, conforme o último boletim divulgado pelos médicos. Já Francisco Dyogo, que está no mesmo local, se recupera mais lentamente e está seguindo um tratamento de fisioterapia respiratória no CTI. EFE

Esporte