PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Filho de ex-melhor do mundo anuncia que deixará PSG em janeiro

Timothy Weah, filho de George Weah - Tim Ireland/AP
Timothy Weah, filho de George Weah Imagem: Tim Ireland/AP

Em Paris (França)

25/12/2018 16h12

Filho de George Weah, atual presidente da Libéria e ex-melhor jogador do mundo, Timothy Weah anunciou nesta terça-feira que deixará o Paris Saint-Germain em janeiro. Ele não vem tendo chances com o técnico Thomas Tuchel.

O jogador de 18 anos afirmou no Instagram que tomou a decisão de deixar o clube por empréstimo, mas não deu detalhes de seu destino. A emissora local "RMC Sport" divulgou que a promessa atuará pelo Celtic.

"Agradeço aos torcedores o apoio constante, e também aos treinadores e aos meus companheiros terem me apoiado para que eu me sentisse sempre parte desta família. Estes meses foram formidáveis, apesar de eu não ter jogado muito", disse Weah na rede social.

O atacante, que tem nacionalidade francesa, liberiana e americana, se disse feliz pelas oportunidades tidas no início da temporada, o que, em sua visão, lhe abriu muitas portas.

O atacante tem contrato até junho de 2020 e estreou oficialmente em 3 de março deste ano, em vitória sobre o Troyes por 2 a 0 fora de casa, pelo Campeonato Francês.

"Sentirei saudade do estádio e também da energia que vocês nos passam a cada jogo", disse Weah, em mensagem na qual se mostrou "orgulhoso de ser parisiense".

Esporte