PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Usain Bolt não chega a acordo financeiro e deixa clube da Austrália

Usain Bolt tentou emplacar como jogador de futebol na Austrália - Cameron Spencer/Getty Images
Usain Bolt tentou emplacar como jogador de futebol na Austrália Imagem: Cameron Spencer/Getty Images

02/11/2018 08h18

Sydney (Austrália), 2 nov (EFE).- Recordista mundial dos 100m e 200m rasos e oito vezes campeão olímpico de atletismo, o jamaicano Usain Bolt, pôs fim "de forma imediata" ao seu período de teste com a equipe australiana de futebol Central Coast Mariners, informou nesta sexta-feira (2) o clube.

A equipe, da liga profissional de futebol da Austrália, e Ricky Simms, representante de Bolt, estavam conversando com terceiros para poder encontrar uma solução comercial para a contratação da ex-estrela do atletismo, informou o clube em comunicado.

"Apesar das promessas de vários parceiros potenciais, Bolt e o Central Coast Mariners concluíram de forma amigável que não poderão chegar a um acordo adequado de maneira oportuna", diz o texto.

"Quero agradecer aos donos, à gerência, ao pessoal, aos jogadores e aos torcedores do Central Coast Mariners por me ter feito sentir bem-vindo durante a minha estadia. Desejo ao clube sucesso na temporada", disse Bolt, que chegou à equipe em agosto para um período de testes indefinido.

O Central Coast Mariners foi a quarta equipe à qual Bolt se aproximou para passar a jogar futebol profissional, depois de fazer testes com o Borussia Dortmund de Alemanha, Sundowns da África do Sul e Stromsgodset da Noruega.

Bolt chegou a marcar dois gols em amistoso de pré-temporada, no início de outubro, pelos Mariners.

Esporte