PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Hamilton sai de 14º, aproveita batida de Vettel e vence GP da Alemanha

22/07/2018 14h00

(Atualiza com classificação final da corrida).

Redação Central, 22 jul (EFE).- Depois de largar na 14ª posição por um problema hidráulico no treino de classificação, o britânico Lewis Hamilton (Mercedes) venceu neste domingo o Grande Prêmio da Alemanha, aproveitando-se de um erro do alemão Sebastian Vettel (Ferrari), que largou na pole e bateu quando liderava a prova.

A corrida disputada no circuito de Hockenheim parecia tranquila para Vettel, que andou na ponta da largada até a parte final da prova, mas a chuva apareceu e atrapalhou os planos do alemão.

Faltando 15 voltas para o fim, Vettel passou direto em uma curva no terceiro trecho da pista e bateu no muro de proteção, gerando a entrada do safety-car. Já entre os líderes após grande recuperação, Hamilton arriscou ao ficar com os pneus de pista seca e herdou as posições de Valtteri Bottas e Kimi Raikkonen, que foram aos boxes.

A estratégia deu certo. Bottas até tentou ultrapassar o companheiro de equipe na relargada, mas ouviu uma ordem da Mercedes para conter o ímpeto na pista e ficar com a segunda posição. Já Raikkonen se contentou com o terceiro lugar.

Com a vitória mais do que improvável, Hamilton chegou a 188 pontos no Mundial de Pilotos e roubou a liderança de Vettel, que ficou com 173.

O holandês Max Verstappen (Red Bull) completou a prova na quarta posição, seguido do alemão Nico Hülkeberg (Renault), quinto colocado, e do francês Romain Grosjean (Haas), em sexto.

O mexicano Sergio Pérez e o francês Esteban Ocon, da Force India, vieram na sequência, na sétima e na oitava posições. O 'top-10' foi completado pelo sueco Marcus Ericsson (Sauber) e pelo neozelandês Brendon Hartley (Toro Rosso).



Confira a classificação do Grande Prêmio da Alemanha:.

.1. Lewis Hamilton (GBR-Mercedes) 1h32min29s845.

.2. Valtteri Bottas (FIN-Mercedes) a 4.535.

.3. Kimi Räikkönen (FIN-Ferrari) a 6.732.

.4. Max Verstappen (HOL-Red Bull) a 7.654.

.5. Nico Hülkenberg (ALE-Renault) a 26.609.

.6. Romain Grosjean (FRA-Haas) a 28.871.

.7. Sergio Pérez (MEX-Force Índia) a 30.556.

.8. Esteban Ocon (FRA-Force Índia) a 31.750.

.9. Marcus Ericsson (SUE-Sauber) a 32.362.

10. Brendon Hartley (NZL-Toro Rosso) a 34.197.

11. Kevin Magnussen (DIN-Haas) a 34.919.

12. Carlos Sainz (ESP-Renault) a 43.069.

13. Stoffel Vandoorne (BEL-MCLAREN) a 46.617.

14. Pierre Gasly (FRA-Toro Rosso) a 1 volta.

15. Charles Leclerc (MON-Sauber) a 1 volta.

16. Fernando Alonso (ESP-McLaren) a 1 volta.

Abandonaram.

Lance Stroll (CAN-Williams).

Sebastian Vettel (ALE-Ferrari).

Sergey Sirotkin (RUS-Williams).

Daniel Ricciardo (AUS-Red Bull).

Esporte