PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Campeão em 1986 vê Argentina como candidata ao título se passar pela França

30/06/2018 10h08

Kazan, 30 jun (EFE).- O ex-zagueiro Óscar Ruggeri, campeão mundial pela Argentina em 1986 e vice em 1990, afirmou neste sábado que a 'Albiceleste' se tornará forte candidata ao tri caso elimine a França mais tarde, na Kazan Arena, em jogo válido pelas oitavas de final.

"Hoje começa a Copa. A Argentina joga a primeira partida, mas a Copa começa para todos. O mata-mata é assim, não é permitido erro algum. A equipe não começou bem, mas se vencer a França hoje passa a ser uma séria candidata ao título", comentou Ruggeri à Agência Efe em Kazan.

"Nestes jogos, geralmente é difícil conseguir uma virada. É preciso concentração e fazer tudo muito bem feito. Hoje mais do que nunca", acrescentou o ex-defensor.

A bicampeã estreou nesta Copa empatando com a Islândia em 1 a 1 e depois perdeu para a Croácia por 3 a 0. Com isso, entrou em campo obrigada a vencer a Nigéria na última terça e obteve sucesso, derrotando a representante da África por 2 a 1.

"Vejo Lionel Messi mais solto depois da vitória. Não só ele, que é o capitão, mas todos os jogadores tinha um peso grande nas costas. Muita gente apostava que eles venceriam, e isso gera pressão, mas eles conseguiram passar com um gol nos últimos minutos", disse Ruggeri, que tem no currículo, além da Copa de 1986, dois títulos da Copa América (1991 e 1993) e um da Copa das Confederações (1992).

Esporte