PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Barça vence no Riazor, é campeão espanhol e rebaixa La Coruña

29/04/2018 18h22

La Coruña (Espanha), 29 abr (EFE).- Com três gols de Lionel Messi e um de Philippe Coutinho, que abriu o placar, o Barcelona bateu o Deportivo La Coruña por 4 a 2 no estádio Riazor, conquistou o título do Campeonato Espanhol com três rodadas de antecipação e rebaixou o adversário.

O resultado levou o Barça a 86 pontos, 11 a mais que o segundo colocado, o Atlético de Madrid, que tem apenas nove a disputar. Já o La Coruña é antepenúltimo, com 28, contra 40 do adversário imediatamente à frente na classificação, o Levante, e não pode mais alcançá-lo, retornando para a segunda divisão após quatro anos.

A equipe 'blaugrana' começou avassaladora e fez 1 a 0 aos sete minutos do primeiro tempo. Dembelé brigou na direita da área, retrocedeu e rolou para Coutinho, que, de primeira, acertou o canto direito e fez 1 a 0.

Ainda antes do intervalo, aos 38, Dembelé inverteu de uma ponta a outra para Luis Suárez, que tocou rasteiro. Messi chegou batendo de primeira e aumentou a vantagem.

Sem se entregar, a equipe dirigida por Clarence Seedorf descontou dois minutos depois. Krohn-Dehli descolou ótimo lançamento para Borja Valle, que preparou para Lucas Pérez arrematar e descontar.

A igualdade aconteceu aos 19 minutos da segunda etapa. Krohn-Dehli tanelou com Borja Valle e acionou Borges, que deixou de bandeja para Çolak empatar.

A igualdade persistiu até os últimos dez minutos, e a equipe anfitriã inclusive teve chances de chegar à virada. Entretanto, na parte final do duelo, brilhou a estrela de Messi, que balançou a rede mais duas vezes, aos 37 e aos 40 minutos, e chegou a 32 na liderança da tabela de artilheiros.

Nos instantes finais, mesmo vendo sua equipe ser rebaixada, a torcida local deu uma bonita demonstração de fair paly ao aplaudir o meia Iniesta, que ao final da temporada trocará o Barça pelo futebol chinês.

Quanto aos brasileiros, enquanto Coutinho foi titular, Paulinho começou no banco e entrou no decorrer do jogo justamente na vaga do compatriota. Já o La Coruña contou com o volante Guilherme, ex-Corinthians.

Esporte