PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Embalado após dérbi, Corinthians estreia na Libertadores contra o Millonarios

27/02/2018 14h36

Bogotá, 27 fev (EFE).- O Corinthians iniciará a busca pelo bicampeonato da Taça Libertadores nesta quarta-feira em jogo contra o Millonarios no estádio El Campín, em Bogotá, e tentará manter o embalo depois de ter vencido o rival Palmeiras por 2 a 0 em Itaquera, pelo Campeonato Paulista.

A estreia do time dirigido por Fabio Carille no grupo 7 do torneio continental, que tem ainda Independiente e Deportivo Lara, será um duelo entre os atuais campeões de Brasil e Colômbia. O Timão ficou com o título nacional pela segunda vez em três anos, enquanto os 'Azules' deram a volta olímpica após cinco anos.

Após ter ficado três rodadas sem vencer pelo Paulistão, com derrotas para Santo André e São Bento e empate com o Red Bull Brasil, o Corinthians se recuperou em grande estilo, batendo o arquirrival em casa.

Para aproveitar o embalo, Carille fará o mínimo de substituições possível. O mais provável é que haja apenas uma troca na equipe titular: a saída do meia Rodriguinho, suspenso. Quem tem mais chance de ficar com a vaga é Mateus Vital, contratado no começo do ano junto ao Vasco.

Outros desfalques são o atacante Kazim, que pegou cinco jogos de gancho após confusões contra o Racing, pela Copa Sul-Americana do ano passado, o zagueiro Marllon, o lateral-esquerdo Sidcley, o volante Ralf, o meia Marquinhos Gabriel e o atacante Matheus Matias, todos com problemas físicos.

No Millonarios, a principal baixa será o técnico Miguel Ángel Russo. O treinador argentino está hospitalizado na capital colombiana devido a uma infecção urinária em Bogotá e será substituído pelo assistente Hugo Ernesto Gottardi.

Os 'Azules' não fazem um bom começo no Torneio Apertura e vêm apenas na 16ª colocação entre 20 concorrentes, com cinco pontos em cinco rodadas. Russo esteve à frente da equipe em apenas uma partida, no empate com o Atlético Nacional em 1 a 1, no último dia 18.

Para enfrentar o Corinthians, Gottardi terá a volta de Duque, que cumpriu suspensão na derrota para o Deportivo Cali por 2 a 0 no último domingo.

Os grandes destaques do elenco vêm sendo o goleiro Wuilker Faríñez, vice-campeão mundial sub-20 no ano passado pela Venezuela, e o atacante paraguaio Roberto Ovelar, que marcou os dois gols da vitória sobre o Nacional por 2 a 1, que garantiu ao Millonarios o título da Supercopa da Colômbia.



Prováveis escalações:.

Millonarios: Faríñez; Palacios, Cadavid, Dos Santos e Banguero; Duque, Domínguez, Silva e Montoya; Ovelar e Del Valle. Técnico: Hugo Gottardi.

Corinthians: Cássio; Fagner, Balbuena, Henrique e Maycon; Gabriel, Renê Júnior, Jadson e Mateus Vital; Clayson e Romero. Técnico: Fábio Carille.

Árbitro: Roddy Zambrano (Equador), auxiliado pelos compatriotas Christian Lescano e Edwin Bravo.

Estádio: El Campín, em Bogotá.

Esporte