PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Federação acusa City e Wigan por confusão em jogo da Copa da Inglaterra

20/02/2018 16h27

Londres, 20 fev (EFE).- A federação inglesa de futebol (FA) acusou nesta terça-feira o Manchester City e o Wigan por não controlarem nos jogadores, que brigaram durante jogo da Copa da Inglaterra, e decidiu não multar o atacante argentino Sergio Aguero, que empurrou um torcedor do adversário.

Ontem, no intervalo do duelo, pelas oitavas de final da competição nacional, após a expulsão do meia Fabian Delph, dos 'Citizens', houve tumulto na saída para os vestiários, entre atletas e integrantes das comissões técnicas.

A confusão havia começado ainda no gramado do DW Stadium, com os jogadores dos dois times cercando o árbitro Anthony Taylor. Em seguida, os técnicos Josep Guardiola, do City, e Paul Cook, do Wigan, chegaram a trocar empurrões.

Além disso, a entidade que organizada a Copa da Inglaterra decidiu não multar Aguero, que empurrou um torcedor do Wigan, já depois do encerramento da partida, que o Wigan, da terceira divisão, venceu por 1 a 0.

Esporte