PUBLICIDADE
Topo

Esporte

SIPG vence 2º jogo da final, mas Shanghai Shenhua conquista Copa da China

26/11/2017 14h11

Pequim, 26 nov (EFE).- O Shanghai SIPG venceu neste domingo o Shanghai Shenhua no jogo de volta da final da Copa da China por 3 a 2, mas como havia perdido o primeiro duelo por 1 a 0, levou a pior no critério de gols marcados fora de casa, e com isso o time do nigeriano Oba Oba Martins e que barrou o argentino Carlitos Tévez quebrou um jejum de 19 anos e conquistou o título do torneio pela quarta vez.

Precisando reverter a vantagem do rival, o SIPG partiu para cima no início da partida e abriu o placar aos 15 minutos com Lu Wenjun. Mas um gol de Cao Yunding aos 45 fez o Shenhua ir para o intervalo com o empate.

Ex-Inter de Milão, Martins virou para os visitantes aos 15 da segunda etapa, mas, quatro minutos depois, Hulk marcou de pênalti. O brasileiro acabou participando do gol da virada sete minutos depois, ao cobrar um escanteio que o colombiano Giovanni Moreno tentou cortar e mandou a bola para o fundo da própria rede.

Após uma campanha ruim no Campeonato Chinês, terminando na 11ª posição, esta era a última oportunidade do Shenhua de salvar a temporada com um troféu. No começo do ano, o time contratou Tévez com o status de maior salário do futebol mundial e pagou US$ 11 milhões ao Boca Juniors pelos direitos do atacante.

No entanto, a duvidosa condição física do argentino para ser relacionado - recorrentes lesões e problemas com a balança - provocaram um grande descontentamento entre os torcedores.

Por fim, Tévez sequer esteve em campo hoje, e a imprensa da Argentina especula que ele possa ter voltado ao país.

Esporte