PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Balotelli faz 2, Nice vence time belga e se classifica; Arsenal também avança

23/11/2017 18h18

Redação Central, 23 nov (EFE).- O atacante italiano Mario Balotelli marcou duas vezes e foi destaque na vitória do Nice sobre o Zulte Waregem, da Bélgica, por 3 a 1, que colocou o time francês nos 16 avos de final da Liga Europa, em dia de classificação também de Arsenal, Real Sociedad, Red Bull Salzburg e Viktoria Plzen.

O polêmico jogador abriu o placar logo aos 5 minutos do primeiro tempo, convertendo cobrança de pênalti que ele mesmo sofreu, ao ser derrubado pelo goleiro belga Louis Bostyn. O camisa 9 brilhou de novo e ampliou pouco depois, aos 31.

Os visitantes, que entraram na partida com chances de avançar, conseguiram descontar aos 36 da etapa final, com o lateral-esquerdo dinamarquês Brian Hemeleinen. Cinco minutos depois, o volante francês Adrien Tameze deu números finais ao duelo.

No outro jogo da chave, a Lazio, já classificada, recebeu o Vitesse e ficou no empate em 1 a 1. O atacante holandês Bryan Linssen abriu o marcador aos 13 minutos do primeiro tempo, para os visitantes. Pouco antes do intervalo, o meia espanhol Luis Alberto deixou tudo igual.

O Arsenal também carimbou passaporte para a próxima etapa do torneio, embora tenha sido derrotado pelo Colônia, fora de casa, por 1 a 0. O atacante francês Sehrou Guirassy foi o artilheiro solitário da partida, ao marcar de pênalti, aos 17 minutos da etapa complementar.

Os 'Gunners' ficaram estacionados nos dez pontos no grupo H da competição. A equipe inglesa tem quatro pontos a mais que o algoz de hoje, e também que o Estrela Vermelha, que hoje empatou com BATE Borisov, em Belarus.

No grupo L, o Zenit São Petersburgo se manteve na liderança, ao vencer o Vardar, da Macedônia, por 2 a 1. O atacante russo Dmitry Poloz e o meia argentino Emiliano Rigoni marcaram os gols do time da casa, que ainda perdeu um pênalti, com o atacante Artem Dzyuba.

A Real Sociedad avançou hoje ao vencer o Rosenborg, na Noruega, por 1 a 0, em confronto direto pela segunda vaga. O gol da classificação foi anotado pelo atacante espanhol Mikel Oyarzabal, nos acréscimos do segundo tempo.

No grupo J, o surpreendente Ostersund, da Suécia, garantiu vaga na próxima etapa, ao vencer em casa o Zorya, da Ucrânia, por 2 a 0. O volante ucraniano Dmytro Hrechyshkin abriu o placar, marcando contra, aos 40 da etapa inicial. Depois do intervalo, aos 33, foi a vez do atacante sueco Saman Ghoddos balançar as redes.

O Athletic Bilbao assumiu a segunda colocação e ficou a um empate da vaga, ao vencer o Hertha Berlim por 3 a 2, em casa, após estar duas vezes atrás no placar. O veterano Aritz Aduriz, anotou dois gols de pênalti, e o jovem Iñaki Williams decretou a vitória, aos 37 do segundo tempo.

No grupo I, o Red Bull Salzburg se classificou ao bater o Vitória de Guimarães, na Áustria, por 3 a 0. Os artilheiros da partida foram o atacante israelense Moanes Dabour, o lateral-esquerdo austríaco Andreas Ulmer e o atacante sul-coreano Hwang Hee-Chan.

O Olympique de Marselha empatou com o Konyaspor, na Turquia, em 1 a 1, e só precisa de mais um ponto para avançar. Com um a menos desde os 35 minutos do segundo tempo, quando o lateral-esquerdo francês Jordan Amavi foi expulso, o time francês buscou a igualdade nos acréscimos, graças a gol contra do volante congolês Wilfred Moke.

Na República Tcheca, pelo grupo G, o Viktoria Plzen venceu o já classificado Steaua Bucareste por 1 a 0, e também avançou. Em jogo de equipes que almejavam a vaga, mas não têm mais chances matemáticas, o Lugano bateu Hapoel Be'er Sheva por 1 a 0, graças gol do atacante Carlinhos, ex-Paraná Clube.

Em jogo pelo grupo F, o Lokomotiv Moscou deu grande passo para conseguir ir à próxima fase, ao derrotar, em casa, o Copenhague por 2 a 1. Os grandes destaque da partida foi o atacante peruano Jefferson Farfán, que balançou as redes duas vezes.

Esporte