PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Bruno e Jamie precisam de match tie-break, mas estão nas semifinais no Rio

23/02/2017 20h38

Rio de Janeiro, 23 fev (EFE).- O brasileiro Bruno Soares e o britânico Jamie Murray, que formam a dupla cabeça de chave número 1 do Rio Open, se classificaram nesta quinta-feira para as semifinais ao vencerem os argentinos Andrés Molteni e Diego Schwartman por 2 sets a 1, com parciais de 6-3, 5-7 e 11-9, em 1h48min de partida.

O jogo na quadra 1 do complexo montado no Jockey Club, na zona sul da capital fluminense, começou com um susto para a dupla do brasileiro, que saiu atrás em 2-0 no placar. Entretanto, a reação não demorou, e rapidamente Bruno e Jamie já venciam por 5-2. Depois disso, os dois times confirmaram seus saques, e o tenista da casa e o escocês fecharam em 6-3.

Na segunda parcial, os tenistas foram confirmando até Soares ser quebrado, deixando a dupla cabeça de chave número 1 em desvantagem de 3-1. Porém, a reação aconteceu de maneira imediata, e houve confirmações em sequência até se aproximarem do desempate. Contudo, os argentinos fizeram 7-5 e levaram a decisão para o super tie-break.

Na decisão, o brasileiro e o escocês sempre estiveram à frente, mais sofreram. Eles abriram 5-2, 6-5 e 9-5, chegando a quatro match points. Os argentinos, algozes de André Sá e do espanhol Tommy Robredo na estreia, salvaram os quatro, mas depois perderam por 11-9.

Nesta sexta-feira, Bruno e Jamie terão pela frente os vencedores do jogo do uruguaio Pablo Cuevas e o espanhol Pablo Carreño Busta contra o argentino Facundo Bagnis e o português Gastão Elias.

Esporte