PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Ex-seleção inglesa diz que país virou motivo de riso no futebol mundial

27/09/2016 19h13

Londres, 27 set (EFE).- O ex-atacante Alan Shearer afirmou nesta terça-feira que a Inglaterra se transformou em "motivo de riso" no futebol mundial, depois da demissão do técnico Sam Allardyce, flagrado em vídeo admitindo que burlava a regulamentação da Fifa de registro de jogadores.

"Estou irritado, triste e estupefato por isso que aconteceu com a pessoa que havia dito que esse era o trabalho dos seus sonhos", afirmou o ex-jogador da seleção, em referência ao recém-dispensado comandante, em entrevista à emissora "BBC Radio 5 Live".

O treinador, de 61 anos, foi gravado por profissionais do jornal "The Telegraph" durante uma investigação de dez meses realizada por uma equipe de repórteres. O veículo publica hoje ter obtido provas sobre casos de subornos e corrupção no futebol.

No vídeo, Allardyce, que assumiu o comando do 'English Team', há pouco mais de dois meses, aparece negociando com supostos empresários um acordo avaliado em 400 mil libras (R$ 1,68 milhão) para representar uma empresa de investidores asiática e fazer palestras em determinados eventos.

"O julgamento errôneo de Sam e seus auxiliares é incrível e desastroso ao mesmo tempo. Estou irado por causa de tudo isso", garantiu Shearer.

O ex-atacante, que, nas casas de apostas, aparece como um dos cotados para assumir o comando da seleção, lembrou dos maus resultados recentes do 'English Team', ao falar dos momentos ruins recentes do futebol do país.

"Não achava que a Inglaterra pudesse piorar após o que aconteceu na Eurocopa, mas vejo que sim. Somos motivo de riso no futebol mundial", lamentou Shearer, em referência a queda nas oitavas de final da competição continental, diante da Islândia. EFE.

Esporte