PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Por doping, 5 canoístas russos são excluídos dos Jogos do Rio

26/07/2016 09h26

Moscou, 26 jul (EFE).- Acusados de envolvimento em casos de doping, cinco canoístas russos foram excluídos da disputa dos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro, informou nesta terça-feira a Federação Internacional de Canoagem (ICF, na sigla em inglês).

Entre eles estão Aleksandr Dyachenko, campeão olímpico nos Jogos Olímpicos de 2012, e Alexei Korovashkov, medalhista de bronze também em Londres. Completam a relação o campeão europeu Andrei Kraitor e Yelena Aniushina e Natalia Podolskaya, segundo a ICF.

"Este é um duro revés para o movimento olímpico e lamentamos que nosso esporte também esteja comprometido. Foram adotadas medidas urgentes e afastados todos os atletas contra os quais havia provas de doping", disse o presidente da ICF, Simon Toulson, em nota.

O Comitê Olímpico Internacional (COI) cedeu às federações internacionais a responsabilidade de decidir sobre quais atletas russos poderão disputar os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

Eles terão que cumprir uma série de critérios, entre eles o mais importante: nunca terem sido pegos em exames antidoping. Além disso, se autorizados, serão submetidos a novos exames realizados pela Agência Mundial Antidoping (Wada).

Esporte