PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Presidente dos Knicks, Phil Jackson demite técnico Mike Woodson

21/04/2014 14h30

Nova York, 21 abr (EFE).- O novo presidente do New York Knicks, Phil Jackson, anunciou nesta segunda-feira a demissão do técnico Mike Woodson, depois que a equipe não conseguiu a classificação para os playoffs da NBA na semana passada.

"Sinto um grande respeito por Mike e sua equipe. Treinadores e jogadores tiveram uma temporada extremamente difícil e não se pode responsabilizar apenas uma pessoa, mas chegou a hora de mudanças na franquia", disse Jackson em comunicado.

Embora tenham vencido o Toronto Raptors e terminado a campanha com quatro triunfos seguidos, os Knicks não se classificaram pela primeira vez desde 2010 por terem ficado em nono lugar na Conferência Leste, com apenas um triunfo a menos que o oitavo colocado, o Atlanta Hawks.

"Todo mundo nesta franquia sente uma enorme gratidão pelo que Mike e sua equipe fizeram. Desejamos a ele o melhor", acrescentou Jackson ao anunciar a saída do técnico, que ainda tinha um ano de contrato.

Quando assumiu a franquia, há algumas semanas, o dirigente de 68 anos afirmou que tinha a intenção de armar uma equipe vencedora e deixou nas entrelinhas a ideia de que nao contaria com Woodson, que assumiu o cargo durante a temporada 2011/2012. Antes disso, fazia parte da comissão técnica de seu antecessor, Mike D'Antoni.

Os nomes especulados para ficar com o posto são Steve Kerr, Brian Shaw e Kurt Rambis. Nenhum deles tem uma trajetória profissional destacada como treinadores, mas são homens de confiança de Jackson. EFE

elr/dr

Esporte