Bayern de Munique apresenta o belga Vicent Kompany como novo técnico

O Bayern de Munique apresentou nesta quarta-feira o belga Vincent Kompany como seu novo técnico. O ex-zagueiro de 38 anos assinou contrato até 30 de junho de 2027 e substitui o Thomas Tuchel, que ficou pouco mais de um ano no cargo e conquistou apenas um título do Campeonato Alemão.

"Estou ansioso pelo desafio no Bayern. É uma grande honra poder trabalhar neste clube. Adoro ter a bola e ser criativo, mas também temos que ser agressivos e corajosos em campo", afirmou Kompany. "Agora estou ansioso pelo básico: trabalhar com os jogadores e construir uma equipe. Uma vez que a base esteja certa, o sucesso virá", completou.

Sucesso que passou longe do Bayern na temporada recém-encerrada. O time terminou apenas na terceira colocação no Campeonato Alemão, encerrando uma série de 12 títulos seguidos. Na Copa da Alemaha, o vexame foi maior: o Bayern foi eliminado ainda na segunda fase ao perder de virada para o Saarbrüken, da terceira divisão, por 2 a 1. Na Liga dos Campeões, cujo título salvaria a temporada, os alemães caíram na semifinal diante do Real Madrid.

Diretor desportivo do Bayern, Christoph Freund, afirmou que Vincent Kompany encarna a filosofia do Bayern. "As equipes dele querem a bola e querem jogar um futebol dominante e de alta intensidade. Ele é jovem, muito ambicioso e com muita experiência internacional", afirmou.

Kompany iniciou sua carreira como jogador no Anderlecht e conquistou o Campeonato Belga em 2004 e 2006. Passou pelo Hamburgo e chegou ao Manchester City em 2008, onde passou 11 temporadas. Pela seleção belga, Kompany disputou 89 partidas, incluindo as Copas do Mundo de 2014 e 2018.

Kompany deixou Manchester City em 2019 para assumir o cargo de jogador-técnico do Anderlecht, antes de encerrar a carreira de atleta em 2020. Ele assumiu o comando do Burnley na temporada 2022/23 e levou o time à elite do Campeonato Inglês. Na primeira divisão, Burnley terminou na 19ª colocação entre 20 times e foi rebaixado.