Alonso elogia Atalanta, mas vê Leverkusen pronto para ganhar Liga Europa: 'Sabemos o que fazer'

Xabi Alonso sabe que a invencibilidade de 51 partidas na temporada impõe respeito aos adversários e, ao mesmo tempo, uma motivação extra. Diante da Atalanta nesta quarta-feira, no Aviva Stadium, em Dublin, pela final da Liga Europa., o treinador deixa os números de lado, mostra enorme respeito ao adversário, mas não esconde a confiança em erguer o segundo título em poucos dias.

Campeão do Campeonato Alemão pela primeira vez, o Leverkusen tenta se redimir da edição passada da Liga Europa, quando foi a?te a semifinal, mas acabou superado. Na visão de Alonso, aquela eliminação deixou o grupo ainda mais forte por uma volta por cima.

"Sabemos que a Atalanta tem uma ideia muito bem definida de como jogar nos últimos anos. Os jogadores sabem o que têm de fazer em campo e conseguiram grandes feitos", ressaltou Alonso. "Achamos que sabemos o que esperar deles, mas eles continuam a evoluir. Temos um plano e os jogadores ainda estão entusiasmados com o ambiente que vivemos no sábado em Leverkusen", prosseguiu.

O treinador lembra da bela festa na despedida do Alemão, na qual a equipe ganhou novamente e viu sua torcida dar enorme demonstração de carinho e de confiança também na busca da Liga Europa e, depois, da Copa da Alemanha (sábado, diante do Kaiserslautern).

"Temos muita motivação para a final. Já falamos sobre a decepção do ano passado", disse Alonso. "Estivemos muito perto da final e aproveitamos essa decepção para lutar ainda mais pelo nosso sucesso este ano. Se você chegar à final, você vai lá para vencer."

O treinador ainda projetou um grande embate com Gian Piero Gasperini, comandante da Atalanta e acostumado a reinventar a equipe de acordo com o modelo de jogo dos oponentes. "Numa final a primeira coisa é a mentalidade, temos de permanecer unidos e será uma honra desafiar Gasperini."