Kawhi Leonard faz 41 pontos e lidera vitória do LA Clippers sobre o Utah Jazz na NBA

Com uma atuação irrepreensível, Kawhi Leonard fez a diferença na vitória do Los Angeles Clippers sobre o Utah Jazz, na madrugada deste sábado, na NBA, ao anotar 41 pontos. O triunfo de 117 a 103 também trouxe uma outra motivação ao time, já que encerrou uma sequência de 11 derrotas seguidas diante do rival.

No confronto, ele acertou seus cinco primeiros arremessos, anotou 14 pontos, e o bom início foi fundamental para que os Clippers liderassem o placar durante toda a partida. "Fizemos paradas e arremessamos. Nossa defesa nos manteve em movimento e o grupo demonstrou estabilidade para manter o ritmo", afirmou Leonard.

E a mão do ala estava mesmo certeira. Ele acertou 14 chutes em 23 tentativas, converteu todos os sete lances livres e ainda emplacou seis cestas de três pontos nas oito vezes que arriscou. Completando a bela atuação, pegou cinco rebotes e serviu os companheiros com cinco assistências.

"Em nossos últimos dois jogos, lutamos para nos recuperar no marcador nos primeiros dois quartos. O Jazz costuma atuar muito bem em sua casa, mas aqui conseguimos logo uma vantagem e pudemos controlar todo o confronto. Temos que entrar nas partidas mais ligados", comentou o destaque dos Clippers.

Tyron Lue, técnico da equipe, enfatizou a união do elenco, que abriu mão de qualquer vaidade para vencer a partida. "Ele estava muito à vontade em quadra e seus companheiros atuaram em função do Leonard entendendo o seu bom momento", disse o treinador.

Pelo lado do Utah, John Collins foi quem mais incomodou. Ele anotou 19 pontos e pegou 13 rebotes. A sua atuação, no entanto, não foi suficiente para conseguir segurar o ímpeto dos visitantes.

"Na parte ofensiva da partida, tentamos jogar juntos, para criar jogadas e buscar a execução. No final das contas, tivemos dificuldade para fazer os chutes, isso nos colocou atrás da curva", declarou o técnico do Jazz, Will Hardy.

No outro jogo da rodada, o Dallas Mavericks derrotou o Portland Trail Blazers por 125 a 112. A notícia mais importante do confronto, no entanto, ficou relacionada a Kyrie Irving, que teve de deixar o jogo ainda no segundo quarto por causa de uma contusão.

"É uma lesão no pé direito. É tudo o que eu posso dizer. Saberemos de mais detalhes depois", afirmou Jason Kidd, treinador dos Mavericks, que negou que seu atleta tenha deixado o ginásio em uma cadeira de rodas.

Em mais um jogo da rodada da NBA, e que só foi definido na prorrogação, o Oklahoma City Thunder venceu o Golden State Warriors por 138 a 136. Shai Gilgeous-Alexander comandou a sua equipe no triunfo ao fazer 38 pontos, dar cinco assistências e pegar ainda cinco rebotes.

No rival, o destaque ficou por conta da atuação do veterano Stephen Curry, de 35 anos. Apesar dos seis rebotes e dos 34 pontos anotados, ele não conseguiu impedir a derrota na casa do adversário.

Confira os resultados da noite desta sexta-feira:

Philadelphia 76ers 125 x 114 Atlanta Hawks

Orlando Magic 123 x 91 Detroit Pistons

Charlotte Hornets 119 x 116 Toronto Raptors

Boston Celtics 133 x 123 New York Knicks

Brooklyn Nets x Washington Wizards

Miami Heat 99 x 111 Cleveland Cavaliers

Oklahoma City Thunder 138 x 136 Golden State Warriors

Memphis Grizzlies 103 x 127 Minnesota Timberwolves

San Antonio Spurs 112 x 121 Chicago Bulls

Denver Nuggets 106 x 114 Houston Rockets

Phoenix Suns 106 x 114 Sacramento Kings

Portland Trail Blazers 112 x 125 Dallas Mavericks

Utah Jazz 103 x 117 Los Angeles Clippers

Acompanhe a final da NBA Cup neste sábado:

Los Angeles Lakers x Indiana Pacers

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes