Caio Paulista festeja 1ª vitória do São Paulo fora e Dorival elogia segundo semestre do grupo

Caio Paulista estava radiante após a vitória do São Paulo diante do Bahia, na Fonte Nova, em Salvador. Não apenas por livrar o time de vez do risco de rebaixamento, mas por acabar com um incômodo retrospecto ruim no Brasileirão de não ganhar fora de casa. Eram oito empates e nove derrotas.

Autor do gol decisivo, o lateral-esquerdo comemorou, aliviado, mas garante que a equipe continuará jogando com seriedade nas duas últimas rodadas, nas quais encara dois times ainda na luta pela taça: Atlético-MG, no sábado, na Arena MRV, em Belo Horizonte, e depois o Flamengo, dia 6, no Morumbi.

"(A vitória) É importante para a nossa classificação. Tínhamos de pontuar e vencemos a primeira fora. Estávamos fazendo grandes jogos, mas sem conseguir o resultado. Hoje fomos felizes para sair com esse resultado importante", enfatizou, celebrando também a fuga de vez da queda.

"Agora atingimos a pontuação para não ter risco de rebaixamento (o São Paulo chegou aos 50 pontos)", afirmou, sem baixar a guarda para as rodadas finais, nas quais Dorival Júnior já adiantou que não antecipará as férias. "Agora é buscar o resultado nos dois últimos jogos."

O técnico Dorival Júnior também não escondeu a satisfação com a primeira vitória como visitante. Na visão do técnico, esse resultado já era para ter vindo há várias rodadas pelo comportamento do time.

"Interessante que em oito jogos fora de casa havíamos tido boas atuações, criado inúmeras oportunidades e o gol não havia acontecido. Hoje (quarta-feira) o jogo encaminhava para outra situação dessa", advertiu Dorival, antes de celebrar o fim do jejum.

"Fico feliz pela maneira como a equipe vem se conduzindo, a forma como tem atuado na maioria dos jogos, um sinal muito positivo, ainda que os resultados não estivessem vindo fora", disse. "O São Paulo nunca perdeu a confiança, pelo potencial da equipe e a forma como jogou, foram raras as partidas que não teve domínio. Precisávamos desse algo a mais (vitória como visitante). Ela mostra que a equipe possui qualidades, precisa apenas se adequar um pouco mais. Daqui para frente caminha para a estabilização completa de um grupo com um segundo semestre muito bom", elogiou Dorival.

Mesmo se livrando de vez do rebaixamento, o técnico garantiu um time sério nas rodadas finais. "Será a mesma motivação de sempre, respeitando muito Atlético-MG e Flamengo, mas o trabalho segue e não podemos nos dar por satisfeitos em momento algum. Seguiremos trabalhando, melhorando e intensificando."

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes