Barletta admite frustração por ter saído do Corinthians: 'Luxemburgo não quis me usar'

Apresentado nesta terça-feira como reforço do Ceará, atual nono colocada da Série B, o atacante Chrystian Barletta admitiu estar frustrado por ter deixado o Corinthians. Torcedor do clube paulista na infância, como seu pai fez questão de mostrar publicando fotos nas redes sociais na época da contratação, o jogador de 22 anos disse que faltou paciência internamente e lamentou a falta de oportunidades durante o trabalho com o técnico Vanderlei Luxemburgo.

"Eu queria ficar bastante tempo por lá, seguir carreira e ir para fora, mas as coisas de Deus são maiores. Não aconteceu por algum motivo. Foi uma questão de escolha, trocou muito treinador, não consegui ter sequência", disse. "Não tiveram tanta paciência nos primeiros jogos, não entrei bem. Senti a evolução em mim, mas não tive oportunidade. Também respeito, vai de cada treinador. Vim para cá por causa disso, tenho que trabalhar. O Guto (Ferreira, treinador do Ceará) me ligou. O Luxemburgo não quis me usar", completou.

Contratado pelo Corinthians junto ao São Bernardo, no início do ano, após se destacar no Paulistão, Barletta foi repassado de forma definitiva ao Ceará. A diretoria corintiana estava devendo parte do valor da transferência do atleta que deveria ser pago ao time do ABC paulista, por isso aceitou negociá-lo com a diretoria cearense, que assumiu a dívida. Ao comunicar a contratação, o Ceará informou que pagou R$ 6,6 milhões para adquirir 50% dos direitos econômicos do atacante, até então pertencentes ao Corinthians.

A situação foi explicada pelo próprio Luxemburgo, em participação no programa "Apito Final", da Band, um dia antes do anúncio oficial. "O Corinthians tinha uma dívida para pagar dele. Aí fizeram uma proposta de venda em que o Corinthians não ia ter mais que dispor do dinheiro", disse o técnico na ocasião. "Ele é um bom jogador, não teve os minutos que poderia ter comigo para poder jogar… ele segue a vida dele. Era um ativo do clube que não estava sendo pago... não foi pago. Transferiu para outro lugar", concluiu.

Eleito a revelação do Paulistão, Barletta teve sua venda acertada com o Corinthians antes do fim do estadual e foi anunciado como reforço no dia 21 de março. Desde então, jogou apenas cinco partidas, duas como titular. A última vez que esteve em campo foi nos 25 minutos finais da derrota por 2 a 0 para o Atlético-MG, na rodada de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Depois disso, continuou sendo relacionado, mas não aproveitado, até sair até mesmo do banco depois da vitória por 2 a 1 sobre o Universitario, na Copa Sul-Americana.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora