Top 8! Deiveson Figueiredo estreia no ranking dos galos após vitória no UFC Austin

No último sábado (2), no UFC Austin, Deiveson Figueiredo estreou entre os pesos-galos (61 kg) com o pé direito ao vencer Rob Font de forma dominante. O triunfo diante de um rival gabaritado da categoria de cima rendeu bons frutos ao brasileiro na mais recente atualização do ranking oficial do Ultimate, realizada nesta terça-feira. 'Deus da Guerra' surgiu como o oitavo colocado na divisão até 61 kg, justamente a posição que ocupava seu mais recente adversário - que desceu um degrau e agora figura na nona colocação da listagem.

Com o sucesso de sua empreitada nos galos, a tendência é que Deiveson deixe de lado, ao menos por ora, a categoria dos moscas (57 kg), da qual se sagrou campeão, e se dedique em tempo integral aos pesos-galos. A prova disso é que o paraense foi retirado do top 15 de sua antiga divisão de peso, fazendo com que boa parte dos antigos concorrentes avançassem uma posição no ranking.

Em busca do bicampeonato

Agora oficialmente consolidado no pelotão de elite dos pesos-galos, Deiveson se encontra em posição privilegiada para vislumbrar um eventual 'title shot' com 61 kg no futuro. Com status de ex-campeão até 57 kg, o brasileiro pode estar a poucas vitórias de uma nova chance de vestir o cinturão do Ultimate. Caso alcance tal façanha, 'Daico' se tornaria o terceiro brasileiro a se tornar bicampeão do UFC em duas categorias de peso distintas - marca já atingida no país por Amanda Nunes e Alex Poatan.

Tsarukyan: de promessa à realidade

O principal destaque do UFC Austin talvez tenha sido Arman Tsarukyan. Escalado para a luta principal do evento, o armênio deu show e nocauteou Beneil Dariush ainda no primeiro round. A performance avassaladora fez com que o atleta de apenas 27 anos 'pegasse o elevador' e alcançasse o top 4 da categoria dos pesos-leves (70 kg).

O resultado, além de confirmar a boa fase de Tsarukyan, o transformou em realidade dentro de uma das divisões mais competitivas do MMA. Empolgado, Arman, inclusive, fez campanha para que sua próxima luta na companhia fosse pelo cinturão, hoje em posse de Islam Makhachev. Por sua vez, Dariush emplacou a segunda derrota seguida e caiu da quarta para a sétima posição do ranking.

Vencedores avançam

Além de Deiveson e Tsarukyan, principais destaques do card, o UFC Austin rendeu algumas posições no ranking para alguns de seus vencedores. Jalin Turner subiu da 12ª para a décima posição dos leves após nocautear Bobby Green no 'co-main event'. Assim como Sean Brady, que avançou duas casas entre os meio-médios (77 kg) e agora é o sétimo colocado após finalizar Kelvin Gastelum. Entre as mulheres, Miesha Tate saiu da 12ª para a 11ª colocação entre as pesos-galos após derrotar Julia Avila.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora