UFC Austin: Deiveson estreia nos pesos-galos no em busca de status de bicampeão da liga

Ex-campeão dos pesos-moscas (57 kg), Deiveson Figueiredo almeja ampliar ainda mais seu legado dentro do Ultimate. Neste sábado (2), no UFC Austin, o brasileiro dá início à trajetória entre os pesos-galos (61 kg). Na nova categoria de peso, o 'Deus da Guerra' não busca somente o sucesso de outrora, mas também o raro status de bicampeão dentro da principal liga de MMA do mundo.

Para manter o sonho vivo, o brasileiro terá que superar Rob Font, oitavo colocado do ranking até 61 kg. Os dois medem forças em embate que reforça o card principal do evento. Sem lutar desde janeiro, Deiveson pode garantir uma posição privilegiada na nova categoria em caso de triunfo. Caso tenha o braço erguido, o paraense prometeu, inclusive, desafiar o ex-campeão dos galos, Aljamain Sterling, com quem trocou farpas recentemente.

Para se juntar a Amanda Nunes e Alex Poatan

Durante toda sua existência, o Ultimate só contou com nove atletas que conseguiram se sagrar campeões em duas divisões de peso diferentes. Dentre o seleto grupo, dois brasileiros despontam: Amanda Nunes e Alex Poatan. Com o objetivo em mente, Deiveson pode fechar a 'trinca tupiniquim' e ampliar consideravelmente sua marca na história da organização.

Ajuda de quem já chegou lá

No primeiro passo rumo a uma eventual disputa de título, Deiveson conta com um auxílio de luxo. Durante seu camp, o brasileiro treinou na equipe 'Fight Ready', nos EUA, sob os comandos de Henry Cejudo. Campeão olímpico de wrestling, o americano se consagrou no UFC justamente com o mesmo roteiro que 'Daico' vislumbra: nos pesos-moscas e posteriormente nos pesos-galos.

Luta principal e brasileiros em ação

Apesar de o foco do público brasileiro estar voltado para a luta de Deiveson, o 'main event' do UFC Austin fica por conta do duelo entre Arman Tsarukyan e Beneil Dariush, pela divisão dos pesos-leves (70 kg). O card também conta com a presença de outros três atletas tupiniquins: Joaquim Silva, o Netto BJJ, Wellington Turman e Rodolfo Bellato.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes