Mais saudável, Deiveson comemora mudança para os pesos-galos: "Pertenço a essa categoria"

Antes mesmo de entrar em ação no UFC Austin, Deiveson Figueiredo sente que tomou a decisão correta ao migrar para os pesos-galos (61 kg). Às vésperas do confronto diante de Rob Font, o brasileiro relembrou os cortes de peso bruscos dos tempos em que competia nos pesos-moscas (57 kg) e destacou, em entrevista exclusiva à reportagem da Ag Fight, que se sente mais saudável para o combate deste sábado (2).

Considerado grande para os pesos-mocas, Deiveson passava por processos desgastantes de corte de massa. Em fevereiro de 2020, inclusive, o 'Deus da Guerra' perdeu a disputa com a balança e excedeu o limite da categoria em seu primeiro duelo com Joseph Benavidez. Para a estreia nos galos, o brasileiro não teve sustos e cumpriu seu papel na pesagem oficial do UFC Austin. Com uma margem maior, o paraense afirma que também se sente mais forte nos treinos.

"Cara, (me sinto) até mais saudável. Trabalhoso não está (corte de peso) porque sou um cara que sempre fui e sou profissional para bater o peso. Na categoria de baixo, que era bem difícil para mim, uma vez que fiquei sem bater o peso, não consegui chegar. Mas sempre foi muito dolorido para mim, bater 57 kg. E hoje, com 61 kg, para mim está muito saudável, estou me sentindo muito bem e feliz. Me sentindo muito forte para a categoria. Estou subindo de uma categoria onde os caras são muito rápidos, para uma categoria acima, e acho que isso é a diferença no jogo. Sou um cara que desço de 75 kg, então tenho massa suficiente para a categoria (dos galos). No sábado vou mostrar que pertenço a essa categoria. Mais saudável, com agilidade e um poder de nocaute maior também", destacou 'Daico'.

Histórico de Deiveson no MMA profissional 

Dentro do Ultimate, Deiveson se consolidou como um dos pesos-moscas mais destrutivos de todos os tempos. Em sua trajetória como profissional de MMA, o lutador brasileiro acumula 21 vitórias, três derrotas e um empate em seu cartel.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes