Ex-parceiro de equipe, Brendan Allen detona Ian Machado Garry: "Vendeu sua alma ao diabo"

Invicto no MMA profissional e com seis vitórias desde que chegou ao UFC, em 2021, Ian Machado Garry desponta como uma das principais promessas da categoria dos meio-médio (77 kg). Mas se por um lado o mérito esportivo do irlandês é quase unânime entre fãs, atletas e imprensa, do outro, sua postura fora dos octógonos divide opiniões. E um bom exemplo disso foi a recente declaração de Brendan Allen. Ex-parceiro de equipe de 'The Future' na Kill Cliff FC, o peso-médio (84 kg) americano não mediu palavras para criticá-lo.

Em entrevista ao canal da 'ESPN' americana, Allen detonou a forma com que Garry vem conduzindo sua carreira. Ativo nas redes sociais e diante dos microfones, o irlandês faz uso frequente do tradicional 'trash talk'. Até mesmo contra Vicente Luque, seu próximo adversário e ex-parceiro de treinos, Ian elevou o tom ao cravar que vencerá o duelo "da forma que quiser". A postura do jovem de apenas 26 anos foi totalmente repudiada por Brendan, que foi além com uma acusação polêmica.

"Acho que é uma manobra de m*** deixar a academia e aí literalmente pedir - ou alguma forma surgiu isso - que você vai lutar com um cara com quem treinou. Vicente é um dos caras mais legais de todos, não fala de ninguém. É minha impressão pessoal, não quero falar por ninguém da equipe. Acho ele maluco, jovem e que está enganado. Acho que ele fala demais, entendo que ele esteja tentando ser como o Conor (McGregor). Mas só há um Conor, desculpe. Venho de um estilo de vida diferente, vai contra meus princípios. Ele fala demais. É até difícil para mim colocar em palavras o quão estúpido eu acho que ele é por fazer essas coisas. É o exato mesmo cenário, vendendo a alma para o diabo por dinheiro, é isso que ele está fazendo", detonou 'All In', como é conhecido.

Confusão também em outra equipe

Após aparentemente romper com a Kill Cliff FC, Ian Machado Garry - que adota uma 'política nômade' de treinos - recentemente se envolveu em outra polêmica com uma nova equipe. O prospecto irlandês foi proibido de afiar suas habilidades na 'Team Renegade', time de Leon Edwards, campeão até 77 kg. 'The Future' provocou ao afirmar que a medida havia sido tomada por conta da insegurança de 'Rocky', que rapidamente desmentiu a versão e reprovou o comportamento do jovem de 26 anos.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora