PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Dana White ironiza Yoel Romero após ex-UFC estrear com derrota no Bellator

Ag. Fight

Ag. Fight

24/09/2021 09h00

Além de ser líder do UFC, Dana White também é conhecido no MMA por ser um profissional difícil de se lidar, principalmente, quando negocia com atletas veteranos e se refere a lutadores que saíram de sua organização. Sendo assim, o alvo da vez foi Yoel Romero. No último sábado (18), na Califórnia (EUA), o cubano estreou pelo Bellator e foi dominando por Phil Davis, em atuação que decepcionou parte dos fãs. Dessa forma, o cartola fez pouco caso do seu ex-funcionário.

Na coletiva de imprensa pós-Contender Series, realizada na última terça-feira (21), Dana informou que não assistiu a luta de Romero na organização de MMA concorrente, mas pontuou que não ficou surpreso com o revés diante de Davis. No duelo, o cubano não conseguiu agredir o adversário, sofreu com a desvantagem física, já que trocou o peso-médio (84 kg) pelos meio-pesados (93 kg), e se tornou presa fácil até mesmo no wrestling.

A luta entre os atletas ainda reservou uma passagem curiosa. No UFC, Romero estava acostumado a realizar 'main events' de cinco rounds, mas sua estreia no Bellator estava marcada para três assaltos e isso o confundiu ao final do embate. De acordo com Dana, tal polêmica é apenas uma das muitas que o veterano protagonizou em sua carreira no MMA e deu a entender que a organização de Scott Coker vai sofrer com suas peripécias.

"Não vi a luta. Ouvi dizer que Romero achou que era uma luta de três rounds e não de cinco. Isso é coisa típica de Romero. Era incrível lidar com ele, incrível. Ele é um cara legal, gosto dele. Não estou dizendo nada de ruim sobre ele, mas sim, boa sorte, Bellator", ironizou o cartola.

Yoel Romero, de 43 anos, é um dos atletas mais populares e temidos do MMA. O veterano realizou 19 lutas em sua carreira, venceu 13, sendo 11 por nocaute, perdeu seis e se destacou no UFC. Mesmo não sendo campeão do peso-médio (84 kg), 'Soldier of God' disputou o cinturão da categoria quatro vezes, foi derrotado em três oportunidades e, quando levou a melhor na disputa pelo título interino, não bateu o peso da divisão. Suas principais vitórias foram sobre Brad Tavares, Chris Weidman, Derek Brunson, Luke Rockhold, Lyoto Machida, Ronaldo 'Jacaré' e Tim Kennedy.

Esporte