PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Dana White acusa José Aldo de recusar luta principal do UFC Fortaleza

Ag. Fight

31/12/2018 06h00

Presente na última coletiva de imprensa da temporada 2018 do UFC, Dana White, presidente da empresa, foi acionado sobre diversos temas que tangem o futuro do evento. E em um fato curioso, o cartola não se esquivou e jogou a responsabilidade de José Aldo não fazer a luta principal do show marcado para a cidade de Fortaleza apenas na conta do atleta.

De acordo como dirigente, faria sentido que a luta entre José Aldo e Renato 'Moicano' liderasse o show marcado para o dia 2 de fevereiro. No entanto, a pedido do próprio ex-campeão dos pesos-penas (66 kg), o confronto será disputado em apenas três rounds.

"Concordo 100%, mas ele quis ser o co main-event, ele não queria lutar cinco rounds. Ele preferiu lutar três e não queria lutar cinco rounds. Deveria ser main event com cinco rounds, mass ele disse que queria ter uma luta de três rounds.E você não diz não para o Aldo", revelou o dirigente.

Desta forma, o combate entre Raphael Assunção e o Marlon Moraes, válido por uma chance de disputar o título dos pesos-galos (61 kg), encabeça o show e deixa Aldo, dono de um dos maiores reinados o UFC, como um dos coadjuventes da noite.

Esporte