PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Ex-campeão do UFC homenageia fã mirim que venceu o câncer

Ag. Fight

20/08/2018 14h28

Cody Garbrandt não conseguiu recuperar seu cinturão do UFC na luta contra T J Dillashaw no dia 4 de agosto, na Califórnia (EUA), mas o ex-campeão dos pesos-galos (61 kg) pode ter em um garoto de apenas 12 anos a sua inspiração para continuar na busca em reaver o título. No último sábado (18), o pequeno Maddux Maple, antigo conhecido de 'No Love', completou quatro anos livre do câncer e o lutador homenageou o fã mirim pelo feito em sua página oficial do Instagram.

No post (veja abaixo ou clique aqui), Cody publicou uma foto antiga de Maddux no dia em que ele realizou sua última sessão de quimioterapia. Na imagem, datada em 18 de agosto de 2014, o garoto aparece com um cartaz em mãos com dizeres em agradecimento àqueles que o ajudaram em sua batalha contra a leucemia, e um destes foi justamente 'No Love'.

O lutador começou a dar suporte à família do menino antes mesmo de entrar no UFC. À época, o então desconhecido Garbrandt destinou a arrecadação de uma de suas lutas amadoras à ajuda no tratamento do garoto e prometeu-lhe que no dia em que fosse contratado pelo Ultimate ele o acompanharia em sua trajetória até o octógono. Com a promessa feita, o ex-campeão estreou em janeiro de 2015 e Maddux estava lá de mãos dadas com o atleta na sua vitória sobre Marcus Brimage. O menino ainda recebeu o cinturão das mãos de 'No Love' quando ele se sagrou campeão da organização em dezembro do ano seguinte.

"18/08/18 marca o 4º ano em remissão deste pequeno guerreiro. Assistir a sua batalha tem sido nada menos que inspirador para continuar sempre lutando em qualquer situação que estiver! Obrigado, Maddux Maple, por ser um campeão da vida e por inspirar tantas pessoas! Mais um ano, amigo!", escreveu o ex-campeão.

Aos 27 anos, Cody precisará agora de toda inspiração possível para retornar ao topo. O lutador acumulou em seus últimos dois combates, contra Dillashaw, as primeiras derrotas na carreira profissional. Seu cartel como atleta de MMA também conta com 11 triunfos.

Um vídeo publicado por ufc (@ufc) em Ago 8, 2015 às 9:50 PDT

Esporte