PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Rivais, não inimigos! McGregor aplaude vitória de Aldo: "Fiquei muito feliz por ele"

Ag. Fight

31/07/2018 17h22

José Aldo nocauteou Jeremy Stephens no último sábado (28), no UFC Calgary, e retomou o caminho das glórias no octógono. No entanto, o responsável por destruir seu reinado entre os penas (66 kg) do Ultimate surpreendeu ao deixar seu lado polêmico de lado e declarar coisas positivas a respeito do brasileiro. Em entrevista ao site 'TMZ Sports', Conor McGregor revelou que ficou feliz com o triunfo do manauara.

O irlandês conquistou o título sobre Aldo em dezembro de 2015, no fatídico nocaute com apenas 13 segundos de combate. Até então, o brasileiro era soberano e invicto dentro do UFC, e após o revés para Conor, venceu duas e e perdeu outras duas lutas.

"Estou muito feliz por ele. Ver a alegria que ele teve depois da vitória... É um negócio louco. Sei que ele passou por muitas coisas, então vê-lo voltar com aquele ótimo final de luta... Fiquei muito feliz por ele e seu técnico André Pederneiras. Toda a Irlanda ficou feliz por José Aldo naquela noite", revelou Conor.

Ainda na mesma entrevista, McGregor admitiu que está próximo de retornar ao MMA. O irlandês, que vive a expectativa de enfrentar o atual campeão dos leves, (70 kg) Khabib Nurmagomedov, revelou que o local do duelo deve ser a cidade americana de Las Vegas.

"Está perto , ainda não é oficial, mas está quase acertado. Eu acredito que sim . Eu amo Nova York, que cidade maravilhosa. Adoraria lutar no Garden novamente, mas acredito que seja mesmo em Las Vegas", opinou.

Levando-se em conta a magnitude do combate, a projeção de Conor e as tradições do UFC ? costuma reservar grandes confrontos para fechar o ano ?, o card favorito a receber seu duelo contra Nurmagomedov tende a ser o UFC 232, em 29 de dezembro. Ao longo de sua carreira no MMA, Conor soma 21 vitórias e três derrotas. Khabib, por sua vez, se mantém invicto em 26 lutas.

Esporte