PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Nicolau é surpreendido e acaba nocauteado por Ortiz no UFC Calgary

Dustin Ortiz venceu o brasileiro Matheus Nicolau (no chão) no UFC Calgary - Sergei Belski-USA TODAY Sports
Dustin Ortiz venceu o brasileiro Matheus Nicolau (no chão) no UFC Calgary Imagem: Sergei Belski-USA TODAY Sports

28/07/2018 18h07

A derrota de Matheus Nicolau para Dustin  Ortiz  no UFC  Calgary, neste sábado (28), mostrou por que o MMA é mesmo um esporte imprevisível. O brasileiro começou muito bem o combate, obtendo boas e fortes combinações em pé, mas um chute alto, mesmo defendido, acabou decidindo o confronto a favor do americano.

Apesar de o mineiro ter colocado a guarda no local correto, bloqueando o chute, mesmo assim se desequilibrou e caiu. Foi aí que Dustin, sem perder tempo, foi ao ground and pound, acertando dois socos de cima para baixo que apagaram o brasileiro.

O revés amplia a sequência de vitórias de Ortiz para três e interrompe a lista de seis triunfos consecutivos de Nicolau. Até a luta em Calgary, Matheus estava invicto na maior organização de MMA do mundo.

Decisão apertada e nocaute

Em outro duelo do evento no Canadá, Nina Ansaroff venceu Randa Markos por decisão unânime dos juízes.

No primeiro round, Nina começou atingindo a adversária em pé, mas logo Randa buscou o wrestling, onde é mais efetiva. E teve êxito. No chão, a iraquiana radicada no Canadá conseguiu levar a namorada de Amanda Nunes ao chão e chegou a pegar as costas da rival. No minuto final, Ansaroff se levantou, mas não conseguiu reverter a desvantagem no assalto.

Nos cinco minutos seguintes, o jogo virou: Nina conseguiu travar as investidas de Markos e, na trocação, fez valer sua superioridade técnica. Apesar dos gritos da torcida de Calgary a cada golpe acertado por Randa, Ansaroff claramente empatou o combate.

O último round manteve o equilíbrio geral. Markos acertou mais jabs, Ansaroff usou mais os chutes baixos. No fim, um erro técnico da iraquiana ajudou os juízes a pontuar o embate: ao tentar uma queda de quadril, a lutadora terminou por baixo. Em posição de vantagem, Nina usou o ground and pound para arrancar uma vitória apertadíssima.

Na luta que abriu o card, Alvaro Herrera vinha melhor, mantendo a luta em pé e acertando bons golpes. Depois de conseguir um knockdown, fez certo ao evitar o chão, especialidade do adversário, e seguiu onde tinha vantagem. Mas foi justamente na trocação que o mexicano foi surpreendido. A 1min52s, Devin Powell acertou um chute no abdômen que 'dobrou' Herrera. Logo em seguida, mais um, este definitivo. Com o resultado, Devin voltou à coluna das vitórias após começar sua jornada no UFC com dois reveses.

Confira os resultados do UFC Calgary até o momento:

Mosca (57 kg) | Dustin Ortiz venceu Matheus Nicolau por nocaute a 3min49s do primeiro round
Palha feminino (52 kg) | Nina Ansaroff venceu Randa Markos por decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)
Leve (70 kg) | Devin Powell venceu Álvaro Herrera por nocaute a 1min52s do primeiro round

MMA