PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Em 'tira-teima' emocionante, Poirier nocauteia Alvarez no UFC Calgary

Dustin Poirier comemora vitória sobre Eddie Alvarez no UFC Calgary - Sergei Belski-USA TODAY Sports
Dustin Poirier comemora vitória sobre Eddie Alvarez no UFC Calgary Imagem: Sergei Belski-USA TODAY Sports

28/07/2018 23h27

Um ano e dois meses depois de se encontrarem pela primeira vez, Dustin Poirier e Eddie Alvarez fizeram o 'tira-teima'. Se da primeira vez o duelo terminou com joelhadas ilegais e não teve resultado, desta vez o 'Diamante' não deixou espaço para questionamento: Poirier nocauteou o ex-campeão dos leves (70 kg) com a força de socos de esquerda e deu um passo importante para o top 3 da divisão.

Ao contrário do que aconteceu na primeira luta entre os dois, Eddie e Dustin fizeram um primeiro round de muito estudo. Apenas quando faltavam pouco menos de 90 segundos para o fim do assalto é que os atletas aceitaram a curta distância, mas muito brevemente. Poirier, talvez dosando o ritmo para evitar que o cansaço batesse como no primeiro duelo, trocou volume por precisão, fazendo o suficiente para sair em vantagem.

No segundo round, Poirier rapidamente esteve perto da vitória, em uma guilhotina muito bem ajustada. Alvarez, entretanto, mostrou uma resistência impressionante e, apesar de estar com a cabeça arroxeada, conseguiu deixar a posição de inferioridade. Depois, em mais uma tentativa de finalização, o 'Diamante' acabou ficando em situação difícil. O 'Underground King' conseguiu a montada e prendeu o rival à grade.

Pouco depois, no quarto minuto do assalto inicial, Alvarez cometeu um erro que lhe custou a luta. Em absoluta vantagem posicional, desferiu cotoveladas na vertical, as chamadas 12-para-6, que são proibidas. Como punição, o árbitro Marc Goddard deu uma advertência a Eddie e recomeçou o combate em pé. E foi lá que Dustin conseguiu a vitória.

Com o triunfo, Poirier chega à quinta luta consecutiva sem derrota. Desde o primeiro confronto contra Alvarez, que terminou com no contest, o Diamante conseguiu mais duas vitórias, ante Anthony Pettis e Justin Gaethje.

Confira os resultados do UFC Calgary:

Leve (70 kg) | Dustin Poirier venceu Eddie Alvarez por nocaute técnico a 4min05s do segundo round
Pena (66 kg) | José Aldo venceu Jeremy Stephens por nocaute técnico a 4min19s do primeiro round
Palha feminino (52 kg) | Joanna J?drzejczyk venceu Tecia Torres por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
Leve (70 kg) | Alexander Hernandez venceu Olivier Aubin-Mercier por decisão unânime (30-27, 29-28, 29-28)
Meio-médio (77 kg) | Jordan Mein venceu Alex Morono por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28)
Pena (66 kg) | Hakeem Dawodu venceu Austin Arnett por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
Leve (70 kg) | Islam Makhachev venceu Kajan Johnson por finalização (armlock) a 4min40s do primeiro round
Meio-pesado (93 kg) | Ion Cu?elaba venceu Gadzhimurad Antigulov por nocaute técnico a 4min25s do primeiro round
Leve (70 kg) | John Makdessi venceu Ross Pearson por decisão unânime (30-26, 29-27, 29-28)
Mosca feminino (57 kg) | Katlyn Chookagian venceu Alexis Davis por decisão unânime (29-28, 29-28, 30-27)
Mosca (57 kg) | Dustin Ortiz venceu Matheus Nicolau por nocaute a 3min49s do primeiro round
Palha feminino (52 kg) | Nina Ansaroff venceu Randa Markos por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28)
Leve (70 kg) | Devin Powell venceu Álvaro Herrera por nocaute a 1min52s do primeiro round

MMA