PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Vitor Miranda assume culpa por derrota no UFC Hamburgo: "Não fiz o que era para fazer"

Ag. Fight

23/07/2018 12h14

Vitor Miranda sofreu, no UFC Hamburgo, no último domingo (22), a sua terceira derrota consecutiva. E o brasileiro fez, por meio de seu Instagram, uma análise sobre a luta contra Abu Azaitar, na qual terminou vencido por decisão unânime. O catarinense disse ter "decepcionado" por não fazer o que havia treinado.

Ainda na cama do hotel alemão, 'Lex Luthor' avaliou o duelo e declarou que se comportou de maneira hesitante, não cumprindo o que havia sido acordado com os treinadores. De acordo com Vitor, os contra-ataques deveriam ter sido a chave do seu jogo.

"Vou falar um pouco da luta: uma luta dura, só que a gente sabia exatamente o que o cara iria fazer, e ele fez exatamente o que a gente sabia que ele iria fazer. E nós treinamos isso para matar aquele jogo dele. Ele só vem na selvageria, e nós tinhamos duas opções: encurtar para clinchar ou derrubar. Só que eu demorei ali. O acordo era ficar no primeiro minuto, primeiro minuto e meio para sentir qual que era, se ele era muito explosivo ou não e depois eu começar a contragolpear e não dar mais esse espaço, não ir para trás enquanto ele batia. Só que eu fiz o que não era para fazer", falou, na ferramenta 'Stories'.

"Mas eu decepcionei. Eu me decepcionei, porque a gente treinou muito bem, eu estava agressivo, rápido, forte, bati o peso bem, me recuperei bem e não soltei golpe, não chutei. Ele estava perto de mim para chutar. Vou voltar para casa, rever os erros, tentar melhorar, vamos decidir o que a gente faz no futuro", concluiu.

Sempre bem-humorado, Vitor postou uma foto do personagem infantil dos anos 1980 Fofão, para brincar com o fato de que está com um inchaço em uma das bochechas. Em seguida, mencionou uma conversa com a esposa, a empresária e digital influencer Paula Miranda, na qual escreveu que "só me resta ser um quarentão sarado".

Esporte