PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Vitor Miranda decepciona e é superado por rival alemão no UFC Harmburgo

Ag. Fight

22/07/2018 17h15

Primeiro brasileiro em ação no card do UFC Hamburgo, o veterano Vitor Miranda não teve vida fácil diante do alemão Abu Azaitar, com quem travou um duelo basicamente em pé. Apesar de sua experiência no kickboxing, o catarinense de 39 anos sucumbiu diante do atleta local e anotou sua terceira derrota seguida no show. Desta forma, sua continuidade na organização fica ameaçada.

Desde o começo, Vitor encontrou dificuldades para encontrar a distância correta. Tanto que a cada ataque, Azaitar respondia com sequências de cruzados que impediam o brasileiro de trabalhar suas combinações, principalmente os chutes e diretos. No final da primeira etapa, o alemão imprimiu seu ritmo e levantou a torcida ao colocar o rival acuado na grade.

Consideravelmente mais lento, Miranda tentou caminhar para frente no segundo round, mas ao ser golpeado rapidamente passou a buscar a luta de chão. E uma vez no solo, Azaitar se mostrou fraco tecnicamente com as costas no chão e permitiu que o brasileiro chegasse à montada em duas ocasiões. No entanto, sem tirar proveito das posições ele terminou gastando suas energias e ao final da etapa parecia entregue.

No terceiro e último assalto, Vitor foi surpreendido com uma queda logo no início, o que o colocou em posição de desvantagem. Ciente de que estava atrás no placar, o brasileiro deu início a diversas tentativas de raspagens e finalizações, o que lhe garantiu a superioridade na etapa, mas passou longe de acabar com a luta.

Pesados decepcionam

Único duelo entre pesos-pesados no card principal, Marcin Tybura vs. Stefan Struve não agradou e, apesar da expectativa de nocaute, o gigante holandês voltou a repetir os erros de sempre. Mesmo com seus 2,12m de altura, ele não consegue trabalhar para manter a longa distância e não evolui no quesito defesa de quedas.

Dessa forma, apesar de perigoso, Struve parece ter parado no tempo e, sempre com o mesmo jogo em ação, se torna previsível e um tanto quanto fácil de se anular. Principalmente se do outro lado do octógono o oponente for um pragmático Marcin Tybura, que não encontrou dificuldades para dominar os três rounds da disputa.

Com seguidas quedas, o polonês manteve o controle das ações e, embora não tenha empolgado, interrompeu a sequência de duas derrotas no evento para voltar a sorrir ao final de um combate.

Acompanhe os resultados do UFC Hamburgo:

Abu Azaitar venceu Vitor Miranda por decisão unânime;
Marcin Tybura venceu Stefan Struve por decisão unânime;
Danny Roberts venceu David Zawada por decisão dividida;
Nasrat Haqparast venceu Marc Diakiese por decisão unânime;
Damir Hadžovi? venceu Nick Hein por decisão dividida;
Bartosz Fabi?ski venceu Emil Weber Meek por decisão unânime;
Nad Narimani venceu Khalid Taha por decisão unânime;
Aleksandar Raki? venceu Justin Ledet por decisão unânime;
Manny Bermudez finalizou Davey Grant no 1º round;
Darko Stoši? nocauteou Jeremy Kimball no 1º round;
Liu Pingyuan venceu Damian Stasiak por decisão unânime.

Esporte