PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Brian Ortega revela que UFC o compensou após cancelamento de luta

Ag. Fight

21/07/2018 18h11

Ex-futuro-desafiante ao cinturão dos pesos-penas (66 kg) do UFC, Brian Ortega se viu sem muitas opções quando o campeão Max Holloway foi hospitalizado e retirado do card do evento marcado para o início de julho. Com os nomes de Frankie Edgar e Jeremy Stephens oferecidos para a vaga no duelo, o americano preferiu declinar e sair do evento, o que deu início a um princípio de desavença com Dana White, presidente do show. Mas, ao que parece, tudo foi resolvido dias depois.

Apesar de irritado e insatisfeito com a recusa de Ortega, White teria entendido a situação do atleta e o recompensado financeiramente por, apesar de não competir, bater o peso e se apresentar na data esperada. E quem revelou este detalhe foi o invicto lutador de 27 anos.

"Me sinto melhor agora. A decepção foi um pouco real, mas depois eu realizei o cenário completo e tive que colocar meu ego de lado e comecei a pensar nos negócios. Fizemos a decisão correta. Falei com o Dana outro dia e tudo estava bem entre eu e ele. Ele me compensou, chegamos a um acordo", narrou durante transmissão do 'Legacy Fighting Alliance' no canal AXS TV, na última sexta-feira (20).

Dono de um perfeito cartel com 14 vitórias no esporte, além de um 'no contest' - Brian foi flagrado em um exame antidoping e teve sua vitória sobre Mike de la Torre anulada -, o pupilo de Rener Gracie ainda não tem data para retornar ao octógono. Sem detalhes oficiais sobre o estado de saúde do campeão Holloway, que foi retirado do card após aparentar sintomas de concussão, a criação de um título interino passa a ser cogitada.

Esporte