PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Ex-desafiante ao título do UFC, Josh Koscheck anuncia sua aposentadoria

Josh Koscheck durante o UFC Rio 6 - William Lucas/Inovafoto/UFC
Josh Koscheck durante o UFC Rio 6 Imagem: William Lucas/Inovafoto/UFC

Ag. Fight

29/06/2018 11h55

Ex-desafiante ao título do UFC, Josh Koscheck é o mais novo lutador de MMA a se aposentar. Em declaração durante entrevista ao programa 'The Luke Thomas Show', o norte-americano, de 40 anos, tornou pública a decisão de pendurar as luvas. Integrante da primeira edição do TUF (The Ultimate Fighter), 'Kos' ganhou notoriedade ao encarar Georges St. Pierre na disputa pelo cinturão dos meio-médios (77 kg), em 2010.

Koscheck não luta desde fevereiro de 2017, quando perdeu por nocaute técnico para o brasileiro Mauricio Alonso, em sua luta de estreia no Bellator. Antes disto, ele já tinha sido derrotado cinco vezes, todas no UFC, organização em que competiu durante quase 10 anos. Com tal retrospecto negativo, o veterano wrestler optou por não dar continuidade à carreira de lutador.

"Nunca se sabe, mas eu posso voltar algum dia. O final da minha carreira não foi do jeito que eu queria. É quase como se você simplesmente perdesse tudo que já conseguiu, e me dói dizer isso. Realmente me dói como lutador porque, como todos que pisam no interior destas grades, tenho um grande ego. Mas eu realmente não conseguia competir com esses jovens. Me sentia ótimo nos treinos, estava em ótima forma. Acho que nunca fiquei em melhor forma do que aos 38, 39 e 40 anos, mas não conseguia", declarou.

A aposentadoria de Koscheck, que possui um cartel profissional com 28 lutas - 17 vitórias e 11 derrotas - soma-se a de outros grandes nomes do esporte. Recentemente, ex-campeões do UFC como Michael Bisping, Vitor Belfort, Rashad Evans e Johny Hendricks também optaram não mais seguir como profissionais de MMA.

Esporte