PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Ex-dependente químico, Matt Brown evita analgésicos após cirurgia no joelho

Demian Maia domina Matt Brown no chão - Heuler Andrey/UOL
Demian Maia domina Matt Brown no chão Imagem: Heuler Andrey/UOL

25/04/2018 08h00

Para quase todo mundo, recuperar-se de uma cirurgia de reconstrução de ligamentos sem aliviar a dor com remédios é algo inimaginável. Mas não para Matt Brown. O lutador de 37 anos, que foi viciado em heroína ? chegando a ser dado como morto após uma overdose ? e, depois, em analgésicos, decidiu não tomar medicamentos após a operação que refez seu ligamento cruzado anterior.

Em entrevista ao site 'MMA Junkie', Brown afirmou que, depois de se lesionar na preparação para enfrentar Carlos Condit no início deste mês, teve certeza de que não se viciaria novamente em remédios caso fizesse uso deles. Mas, mesmo assim, preferiu se manter longe ? segundo ele, apenas pelos "efeitos indesejáveis" que os medicamentos podem causar no corpo humano em longo prazo.

"Tenho disciplina suficiente e treino o suficiente para que eu possa tomar os analgésicos, ficar perfeitamente bem e não me viciar. Tive de tomá-los quando fiz uma cirurgia na mão, pouco tempo atrás. A questão é: sou maduro e tenho força de vontade suficiente para tomar remédios e não ficar viciado, mas decidi não tomar por motivos de saúde. Há muitos efeitos indesejáveis nessas coisas que tomamos, mesmo só em casos de cirurgia. A saúde em longo prazo é muito mais importante para mim do que em curto prazo, porque sei que, em curto prazo, eu não vou me viciar. Posso tomar o vidro inteiro, e vou ficar bem", declarou.

Lutador do UFC desde 2008, 'O Imortal' chegou a ficar ameaçado de demissão em 2011, mas viveu mais uma redenção na carreira ao vencer sete lutas seguidas. Quando passou a enfrentar atletas melhor ranqueados, porém, voltou a ter dificuldades: bateu apenas dois adversários em quase quatro anos. Brown chegou a anunciar que o duelo contra Diego Sanchez, no qual ganhou por nocaute em novembro último, seria o último de sua carreira, mas decidiu voltar ao octógono para enfrentar Condit ? o que ainda pretende fazer.

MMA