PUBLICIDADE
Topo

Esporte

UFC confirma edição inédita no Chile e anuncia primeiras lutas do card

Vicente Luque comemora vitória no UFC 205, em Nova York - Michael Reaves/Getty Images /AFP
Vicente Luque comemora vitória no UFC 205, em Nova York Imagem: Michael Reaves/Getty Images /AFP

Ag. Fight

28/02/2018 13h24

Nessa segunda-feira (26), o UFC divulgou que desembarcará em um novo país da América do Sul. A maior organização de MMA do mundo, que costuma realizar os seus eventos no Brasil, será sediado pela primeira vez no Chile. O evento foi marcado para o dia 19 de maio, em Santiago, e foi anunciado por Rodrigo "Minotauro" em um canal de televisão local.

Junto ao anúncio do evento foram divulgadas mais cinco lutas. Para atuar pela primeira vez na frente da sua torcida, o atleta da casa Diego Rivas enfrentará Guido Cannetti, pela divisão peso-galo (61 kg). Até o momento, apenas dois representantes do Brasil foram escalados escalada para o evento; Poliana Botelho subirá ao octógono contra a japonesa Syuri Kondo, em um duelo válido pela divisão peso-palha (52 kg). Pelos meio-médios (77 kg), será a vez o brasiliense Vincente Luque encarar Chad Laprise.

Entre os ídolos latinos, Alexa Grasso e Tatiana Suarez também se enfrentarão pelos palhas (52 kg). O outro confronto confirmado foi entre as pesos-moscas (57 kg) Andrea Lee e Veronica Macedo. O UFC deve anunciar nas próximas semanas mais duelos para o primeiro evento no Chile.

Em sua conta do Instagram, Minotauro revelou que teve oportunidade de viver um grande dia por divulgar o primeiro evento da América do Sul fora do Brasil e pediu ajuda para os fãs para a realização de um evento histórico. O ex-atleta escreveu: "Hoje foi um grande dia para o UFC e o UFC Brasil anunciando o UFC Santiago. Tive o prazer de falar na FOX TV Chile sobre a chegada do UFC no país! O UFC Santiago será no dia 19 de maio na Arena Movistar em Santiago, Chile!! Vamos fazer história com mais um evento de sucesso".

Esporte