PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

BJ Penn abre as portas para aposentadoria: "Não tenho fogo"

BJ Penn pensa em anunciar a aposentadoria - Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images
BJ Penn pensa em anunciar a aposentadoria Imagem: Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

Ag. Fight

24/11/2017 16h08

BJ Penn já anunciou que se aposentaria em duas ocasiões diferentes e retornou ao octógono logo depois. Sem lutar desde junho passado, o americano voltou a falar sobre a hipótese de pendurar suas luvas, mas revelou que o seu futuro é incerto e que não sabe se voltará a competir ou apenas treinar por prazer.

Aos 38 anos, Penn acumula cinco derrotas consecutivas em seu cartel no UFC. Em meio a idas e vindas no octógono, o americano garantiu, em entrevista ao seu próprio podcast 'BJ Penn Radio', que pretende voltar a treinar. Contudo, o ex-campeão do UFC acrescentou que não sente o "fogo" necessário para retomar a sua carreira.

"Eu estou curtindo e relaxando. Eu não tenho treinado, nem nada do tipo. Não sei, você nunca sabe o que o futuro tem guardado para você, mas eu estou aproveitando. Talvez eu volte a treinar por diversão e volte por diversão, vamos ver. Eu não tenho o fogo para competir agora", comentou.

"Estou apenas curtindo e não quero assustar ninguém ao dizer: 'Eu vou voltar a lutar'. Se tivesse nocauteando caras na academia o tempo todo, então talvez eu pensasse nisso. Mas vou apenas voltar a treinar e me divertir. Vou pegar leve e me divertir. Tudo tem a ver com o fogo, que queima dentro da gente para você querer fazer algo, fazer o seu nome, ganhar respeito, fazer a sua vida. Eu vou viver um dia de cada vez, criar os meus filhos. Vamos ver. Nunca sabemos o que vai acontecer no próximo ano. Não estou dizendo que vou lutar, mas quem sabe o que pode acontecer".

Como profissional de MMA desde 2001, Penn atuou em 30 oportunidades, onde saiu como perdedor em 12 combates e empatou em duas ocasiões. O americano anunciou pela primeira que deixaria o octógono em 2011, mas retornou no ano seguinte. Em 2014, o ex-campeão voltou a se aposentar, mas acabou competindo novamente este ano. Como conquistou os cinturões das categorias peso-leve (70 kg) e meio-médio (77 kg), o lutador é um dos poucos atletas que foi campeão em duas categorias simultaneamente.

MMA