PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Atleta que não bateu peso no UFC Austrália pede que rival receba seu bônus; entenda

Ag. Fight

20/11/2017 14h29

O UFC Austrália, que aconteceu nesse sábado (18), em Sydney, ficou marcado pela quantidade de resultados por decisão dos juízes laterais e por ser o evento mais longo da história da maior organização de MMA do mundo. Mas, além disso, outro fato curioso marcou o show que recebeu Fabrício Werdum e Marcin Tybura no combate principal. Ainda no card preliminar, Frank Camacho e Damien Brown foram eleitos como a 'Luta da Noite', mas apenas um lutador poderia receber o prêmio.

O confronto aconteceria pela divisão dos meio-médios (77 kg), mas Camacho ultrapassou o peso limite e perdeu 30% da bolsa para o seu adversário. Com a escolha da 'Luta da Noite' do evento, o atleta não poderia receber o bônus como punição e, por isso, pediu que a sua parte do prêmio fosse destinada para Brown, que somaria 100 mil dólares (cerca de R$ 330 mil) como premiação.

"Eu não sou elegível para o bônus de 'Luta da Noite' por ter perdido a pesagem. Por isso, eu peço humildemente ao UFC para, por favor, dar o meu prêmio de 50 mil dólares (aproximadamente R$ 165 mil) para Damien Brown. Ele merece por sua classe e por ser um guerreiro ao ter aceitado essa luta em seu país", escreveu o atleta em seu Twitter.

O UFC não se pronunciou em suas páginas oficiais sobre o pedido de Camacho, mas, de acordo com o site 'MMA Junkie', o pedido não teria sido aceito pelo Ultimate e Brown receberá a quantia tradicional de 50 mil dólares.

Esporte