PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Brasileiro e outros 5 lutadores recebem 'ganchos' de até 6 meses após UFC

Reinaldo Canato/UOL
Imagem: Reinaldo Canato/UOL

Ag. Fight

27/06/2017 12h54

 

O UFC Fight Night 112, realizado no último domingo (25) em Oklahoma City (EUA), teve a sua lista de suspensões médicas divulgada pela Comissão Atlética de Oklahoma nessa terça-feira (27). E, dos 14 atletas que receberam ganchos após o evento, seis podem permanecer até seis meses afastados do octógono.

Entre esses atletas está um dos protagonistas da noite, Michael Chiesa. O americano encarou Kevin Lee na luta principal do show e acabou derrotado após uma controversa interrupção do árbitro Mario Yamasaki. Além de ‘Maverick’, o brasileiro Vitor Miranda, superado por Marvin Vettori, também recebeu uma suspensão médica de 180 dias.

Confira abaixo a lista das suspensões médicas do UFC Oklahoma.

Michael Chiesa – suspenso por 180 dias, podendo ser liberado antes por um médico;

Tim Boetsch – suspenso por 180 dias, podendo ser liberado antes por um médico;

Johny Hendricks – suspenso por 30 dias;

Felice Herrig – suspenso por 180 dias, podendo ser liberado antes por um médico;

Justin Kish – suspensa por 30 dias;

Joachim Christensen – suspenso por 45 dias;

BJ Penn – suspenso por 45 dias;

Marvin Vettori – suspenso por 30 dias;

Vitor Miranda – suspenso por 180 dias, podendo ser liberado antes por um médico;

Devin Powell – suspenso por 180 dias, podendo ser liberado antes por um médico;

Michel Quinones – suspenso por 45 dias;

Johnny Case – suspenso por 180 dias, podendo ser liberado antes por um médico;

Tony Martin – suspenso por 30 dias;

Josh Stansbury – suspenso por 45 dias;

MMA