Arábia Saudita será sede da fase final da Champions da Ásia em 2025 e 2026

A Arábia Saudita será sede da fase final principal competição de clubes da Ásia em 2025 e 2026, anunciou a Confederação Asiática de Futebol (AFC) nesta sexta-feira (1º).

A Champions Elite da AFC, que contará com 24 equipes, substituirá na próxima temporada a atual Liga dos Campeões da Ásia, e o prêmio para o campeão será de US$ 12 milhões (R$ 59 milhões na cotação atual).

Os 24 melhores clubes do continente serão divididos em duas ligas de 12, Leste e Oeste, e farão jogos em casa e fora por uma vaga nas oitavas de final.

Os oito classificados irão à fase final, na qual as equipes disputarão as quartas, as semifinais e a final em jogos únicos, todos na Arábia Saudita em suas duas primeiras edições (2024/2025 e 2025/2026).

O clube saudita Al-Hilal, de Neymar e do técnico português Jorge Jesus, é o maior vencedor da competição, com quatro títulos. O atual campeão é o Urawa Red Diamonds, do Japão.

"Depois de avaliar as exigências em matéria de infraestruturas e hospedagem, assim como todos os outros aspectos operacionais essenciais", a AFC explicou em um comunicado ter escolhido a proposta saudita em detrimento da candidatura apresentada pela Associação Iraquiana de Futebol (IFA).

A Arábia Saudita é a única candidata a organizar a Copa do Mundo de 2034. Este mês, o país será sede do Mundial de Clubes da Fifa, antes de receber a Copa da Ásia de 2027 e os Jogos Asiáticos de 2034.

jsm/pst/smr/iga/avl/cb/aa

© Agence France-Presse

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes